Copa 2014: Governo de Minas qualifica trabalhadores

Copa 2014: Alunos concluíram o curso “Noções de inglês para o turismo”, promovido pelo Governo de Minas

Gestão Anastasia: Governo de Minas

Jean Oliveira/Sete
Os 123 alunos foram qualificados visando a Copa
Os 123 alunos foram qualificados visando a Copa

A Secretaria de Estado de Trabalho e Emprego (Sete) certificou, nesta segunda-feira (5), no Auditório Juscelino Kubitschek, na Cidade Administrativa Presidente Tancredo Neves, 123 alunos entre taxistas, policiais militares, frentistas e agentes de saúde, no curso “Noções de inglês para o turismo”. A iniciativa faz parte das ações de qualificação profissional do Governo de Minas para a Copa do Mundo de 2014.

O curso foi realizado na unidade de atendimento ao trabalhador do Sine do município de Vespasiano, com recursos do Plano Territorial de Qualificação (Planteq), do Ministério do Trabalho e Emprego, geridos pela Sete. Após 200 horas, entre aulas teóricas e práticas, os alunos participantes receberam o certificado de conclusão do curso, que teve como parceiro o Instituto de Gestão de Políticas Sociais (Gesois). O conteúdo abordado durante o curso passou pelas situações cotidianas vivenciadas pelos profissionais, como se apresentar, dar informações, ajudar em situações de emergência.

Durante a cerimônia o secretário de Estado de Trabalho e Emprego, Hélio Rabelo, destacou a importância do primeiro passo. “O Governo de Minas dá o primeiro passo qualificando esses profissionais, que além de serem a nossa porta de entrada são também vitais no atendimento àqueles estrangeiros que chegam até a nossa cidade”.

Rabelo, disse ainda, que “ensinar uma língua estrangeira não é tarefa fácil, mas se queremos entrar no cenário mundial precisamos aproveitar as oportunidades. Hoje esses formandos souberam aproveitar essa oportunidade e estão se preparam também para o mundo”, comemorou.

O Tenente Bragança, do 36º Batalhão de Vespasiano, na região metropolitana, soube do curso de inglês e não perdeu a oportunidade. “Se é o Estado que me oferece essa chance, não posso deixar de aceitá-la. Já tinha uma vontade em fazer esse tipo de curso, mas não tinha tempo e nem condições financeiras”. O militar se diz satisfeito com o resultado. “O curso atendeu as minhas expectativas. Tudo que aprendi será muito útil no meu trabalho”.

Raissa Helena Castilho dos Reis, também aprovou a iniciativa. Agente de saúde em Vespasiano, a aluna acredita que a oportunidade traz bons resultados. “Aprendi noções básicas de inglês que são fundamentais para o meu trabalho. Agora, quando tiver que lidar com algum turista estrangeiro, estarei preparada para atendê-lo da melhor forma possível”.

O taxista Márcio Júnior Campos, que atua também na região de Vespasiano, disse estar aliviado com a conclusão do curso. “Antes era complicado entender o que os passageiros estrangeiros falavam. Até perdia corridas. Agora consigo atender melhor meus passageiros.

Participaram da reunião o secretário de Estado Extraordinário da Copa do Mundo, Tiago Lacerda, o superintendente de Política de Formação e Qualificação para o Trabalho da Sete, Bruno Magalhães, o presidente da Gesois, Hidelmano Amorim, o Comandante do 36º Batalhão da Polícia Militar, o Tenente Coronel Marcelo Martins de Resende e o coordenador do Sine de Vespasiano, Glauco Souza.

Fonte: http://www.agenciaminas.mg.gov.br/noticias/governo-de-minas-qualifica-trabalhadores-para-a-copa-do-mundo/

Governo de Minas: faltam 400 dias para a Copa das Confederações; Mineirão sediará três jogos

Em Minas, faltam 224 dias para o Novo Mineirão ser entregue 100% modernizado

Sylvio Coutinho/Divulgação
A obra do Novo Mineirão ficará pronta em 21 de dezembro de 2012
A obra do Novo Mineirão ficará pronta em 21 de dezembro de 2012

Pelo calendário oficial da FIFA, nesta quinta-feira (10) faltarão 400 dias para a Copa das Confederações 2013, mas em Minas a contagem regressiva é para a conclusão das obras do Mineirão. Aqui faltam 224 dias para o Novo Mineirão ser entregue 100% modernizado. A data para o final da reforma é 21 de dezembro de 2012. O estádio será palco de três partidas da Copa das Confederações. Até 2013, também serão, pelo menos, 5.000 profissionais capacitados em diversas modalidades e, pelo menos, 12 novos hotéis inaugurados.

“Para o Governo de Minas o mais importante é o legado que a Copa vai deixar. As obras estão em dia e vão melhorar a vida das pessoas. Mas queremos estar prontos para todas as demandas da FIFA para que os torcedores que vierem para a Copa das Confederações voltem para a Copa do Mundo da FIFA Brasil 2014 e tragam familiares e amigos com eles. Por isso queremos receber bem os turistas já no desembarque e durante todo o período em que eles estiverem em Minas”, explica Sergio Barroso, secretário de Estado Extraordinário da Copa do Mundo.

O Mineirão está com 58% da obra concluída. São 2.000 operários em campo. A estrutura metálica da cobertura já começou a ser montada. Essa cobertura terá uma membrana translúcida e auto-limpante que permite a passagem de luz, mas dissipa o calor. A cobertura do Mineirão também terá células fotovoltaicas que captam energia solar e transformam em energia elétrica – o suficiente para abastecer 1.100 residências de médio porte. Na parte interna, 30% da arquibancada inferior estão instaladas e 80% dos bares e banheiros já receberam acabamento (reboco e piso) com instalação de bancadas e divisórias de granito (50%). Até o final do mês, a esplanada que circunda o estádio estará 100% montada. A obra do Mineirão ficará pronta em 21 de dezembro de 2012.

O Novo Mineirão, após a reforma, terá 64 mil lugares, esplanada com capacidade para 65 mil pessoas, 80 camarotes, 2.569 vagas para carros, tribuna para quase 3.000 jornalistas, 7.000 m2 para comércio e cobertura que capta energia solar e transforma em elétrica capaz de abastecer 1.500 residências de médio porte.

Novas oportunidades

Até o final deste ano, mais de 5.000 pessoas serão capacitadas para a Copa em projetos que envolvem parcerias do Governo de Minas e da Prefeitura de Belo Horizonte com a iniciativa privada (cursos de línguas, agentes de informação turística, guia de turismo, auxiliar de cozinha, camareira, garçom, recepcionista, gestão de negócio, planejamento de emergência hospitalar externa e princípios de medicina de catástrofe).

Doze novos hotéis que serão construídos no Estado estarão prontos para a Copa das Confederações em Belo Horizonte e mais 33 até a Copa de 2014. Dois já foram inaugurados. Desse total de 45, dois são cinco estrelas e 19 são quatro estrelas. Com isso serão ao todo, em um raio de até 100 km de Belo Horizonte, 52 mil leitos para a Copa de 2014. Vários hotéis possuem centro de convenção com capacidade que varia de 120 a 2.000 pessoas, uma aposta na vocação de Minas para o turismo de negócios.

Infraestrutura

Já a reforma do Aeroporto Internacional Tancredo Neves, em Confins, está em andamento e tem conclusão prevista para dezembro de 2013. A obra é de responsabilidade do governo federal. Após a reforma, o terminal terá capacidade ampliada de 10,2 (2011) para 16,5 milhões de passageiros por ano, sendo 11,6 milhões no terminal de passageiros 1 e 4,9 milhões no terminal de passageiros 3; nova área de carga e descarga; ampliação da área comercial; substituição de escadas rolantes; instalação de 17 elevadores e reforma dos pontos de check-in. No segundo semestre começa a obra para ampliação da pista em 600 m e do pátio em 192,4 mil metros quadrados.

Em relação à mobilidade urbana, segundo relatório do Ministério Público Federal, a Caixa Econômica Federal liberou, até janeiro deste ano, R$ 206 milhões para as 12 sedes, dos quais R$ 130 milhões são para Belo Horizonte. Das nove obras do PAC da Copa do Mundo que estão em andamento, seis estão em Belo Horizonte. Belo Horizonte vai ganhar, até a Copa de 2014, três corredores exclusivos para ônibus articulados, os chamados Bus Rapid Transit (BRT), que transportarão cerca de 750 mil pessoas e que estarão concluídos em 2013. A implantação dos BRTs nas avenidas Cristiano Machado, Antônio Carlos/Pedro I e região central vão tirar do centro da cidade cerca de 130 linhas de ônibus. O BRT da avenida Antônio Carlos será fundamental no transporte dos torcedores ao Mineirão.

Fonte http://www.agenciaminas.mg.gov.br/noticias/faltam-400-dias-para-a-copa-das-confederacoes-mineirao-sediara-tres-jogos/

Governo de Minas: Arena Independência conta com serviço de atendimento aos torcedores

Além de assegurar conforto e seguranças aos visitantes, estádio se torna exemplo nacional no cumprimento do Estatuto do Torcedor

Sylvio Coutinho/Divulgação
Espalhados pela Arena Independência, stewards usam colete laranja
Espalhados pela Arena Independência, stewards usam colete laranja

Além de contar com uma das estruturas esportivas mais modernas do Brasil, o estádio Arena Independência oferece um novo serviço de atendimento ao visitante, com o objetivo de garantir sua segurança e tranquilidade. Trata-se do trabalho de auxílio ao visitante na localização dos assentos numerados e de orientação sobre as normas de segurança do estádio feito pelos assistentes de torcedores, denominados stewards na Europa.

Os auxiliares ficam posicionados em todos os setores da nova arena, sendo um para cada 100 torcedores. Alguns portam rádios comunicadores, mas a maioria não carrega nenhum tipo de equipamento. Em caso de aglomeração de torcedores nas escadas de circulação nas arquibancadas durante jogos, por exemplo, eles atuam para evitar desconforto entre os demais visitantes. Em caso de conflito, buscam pronto auxílio da Polícia Militar.

A atuação dos stewards faz parte do plano de segurança da Arena Independência, que estabelece as diretrizes do setor elaboradas em conjunto pela empresa BWA, administradora do estádio, e órgãos do poder público. “Estamos vivenciando um novo conceito de administração de estádio, em que os setores público e privado trabalham juntos dentro de uma linha moderna de atuação, orientada pelas experiências históricas da Polícia Militar nessa área e também pelas práticas da FIFA”, explica o gerente de operações da Arena Independência, coronel Miguel Libânio.

No jogo inaugural do estádio, no dia 25 de abril, entre América e Argentino Juniors, os stewards foram muito úteis na orientação de torcedor sobre cadeiras numeradas. O coronel lembra que o assento numerado é um direito estabelecido pelo Estatuto do Torcedor. “O artigo 22 dá essa garantia ao torcedor, que não está habituado a se sentar num lugar marcado no estádio. Esse processo educativo será gradual. É preciso que todas as partes envolvidas, desde torcidas a clubes, entendam o quão importante é esse direito”, afirma.

A nova arena contará com cerca de 600 profissionais de segurança, entre públicos e privados, em dias de grandes eventos esportivos. “O atendimento diferenciado de torcedores é um grande passo nesse trabalho de construção dos alicerces do novo e profissional futebol mineiro, em que o visitante é tratado como cliente. A Polícia Militar sempre teve papel fundamental nesse processo e continuará a tê-lo”, explica o secretário de Estado Extraordinário da Copa do Mundo, Sergio Barroso.

Fonte: http://www.agenciaminas.mg.gov.br/noticias/arena-independencia-conta-com-servico-de-atendimento-aos-torcedores/

Gestão em Minas: Ministro do Esporte elogia andamento das obras do Mineirão

Segundo o ministro, Minas possui o ritmo de obras mais avançado do país

Carlos Alberto/Imprensa MG
Alberto Pinto Coelho recebeu Aldo Rebelo durante vistoria ao Mineirão
Alberto Pinto Coelho recebeu Aldo Rebelo durante vistoria ao Mineirão

O vice-governador Alberto Pinto Coelho e o ministro do Esporte, Aldo Rebelo, visitaram as obras no Mineirão, nesta quarta-feira (18). Após a visita, o ministro elogiou o andamento das obras no estádio e também as intervenções no trânsito em Belo Horizonte.

“Belo Horizonte é a capital que tem as obras com a maior proximidade com o cronograma estabelecido entre todas as cidades-sede do Mundial”, afirmou Aldo Rebelo, em entrevista. O ministro assinou o painel “Mineirão eu faço parte desta história”, onde são registradas as visitas recebidas durante as obras no estádio.

O ministro também ressaltou o legado das obras para a capital mineira. “A Copa já é uma realidade. Belo Horizonte tem um estádio moderno, compatível com suas tradições, que é o Mineirão renovado. As obras de mobilidade urbana vão melhorar a vida das pessoas, já foram até inauguradas. E Belo Horizonte terá visibilidade para bilhões de pessoas”, afirmou Aldo Rebelo.

O Mineirão receberá seis partidas durante a Copa do Mundo de 2014, incluindo uma das semifinais. As obras seguem rigorosamente em dia. O estádio será o primeiro a ficar pronto em 21 de dezembro de 2012.

“Minas Gerais está cumprindo o seu dever de casa e as obras estão em dia. Estamos preparando o Estado, em parceria com o município, para bem receber aqueles que virão para a Copa de 2014, inclusive nos roteiros turísticos, na questão da segurança pública e preparando as pessoas para receber os turistas”, afirmou Alberto Pinto Coelho.

O secretário de Estado Extraordinário da Copa do Mundo, Sergio Barroso, disse que o ministro Aldo Rebelo leva de Belo Horizonte as melhores impressões, não somente com o Mineirão, mas também com obras de mobilidade urbana, hotelaria, aeroportos, rotas turísticas, segurança e saúde. “Os elogios que recebemos hoje endossam o bom trabalho de Minas Gerais para os preparativos da Copa do Mundo da FIFA Brasil 2014”, afirmou Sergio Barroso.

Também participaram da visita o prefeito de Belo Horizonte, Marcio Lacerda; o secretário de Estado de Esportes e da Juventude, Bráulio Braz; o secretário de Estado de Turismo, Agostinho Patrus; o secretário de Transportes e Obras Públicas, Carlos Melles, além de autoridades locais e estaduais.

Fonte: http://www.agenciaminas.mg.gov.br/noticias/ministro-do-esporte-elogia-andamento-das-obras-do-mineirao/

Governo de Minas: Estádio Independência será reinaugurado dia 25 de abril

Jogo de reabertura será um amistoso do América Futebol Clube, que ainda está escolhendo o adversário

Renato Cobucci/Imprensa MG
Presidente do América, Marcos Salum; secretário Sergio Barroso e presidente da BWA, Ricardo Azevedo
Presidente do América, Marcos Salum; secretário Sergio Barroso e presidente da BWA, Ricardo Azevedo

O Estádio Raimundo Sampaio, o Independência, será reinaugurado dia 25 de abril, com uma partida amistosa do América Futebol Clube, que ainda está escolhendo o adversário, entre equipes internacionais. O jogo, além de marcar a reabertura do estádio, fará parte também das comemorações do centenário do clube mineiro.

A data foi anunciada durante coletiva da qual participaram o secretário de Estado Extraordinário da Copa do Mundo, Sergio Barroso, o presidente do América, Marcus Salum, e o diretor-presidente da Arena Independência, Ricardo Azevedo. O dirigente americano informou que está tentando trazer para o jogo de inauguração uma equipe da América Latina.

“A inauguração do Independência será o início de uma nova era do futebol no Estado, com muito mais profissionalismo e mais conforto e segurança para os torcedores”, destacou Barroso.

Atualmente, 98% das obras estão prontas. Faltam instalação da lona plotada na fachada, finalização do piso do estacionamento, detalhes das instalações elétricas e hidráulicas, vidros das duas torres, além de detalhes da pintura do estádio.

“Após a reabertura, o estádio será entregue à Arena Independência, que terá liberdade de personalizar algumas áreas, por exemplo, os camarotes. Então a obra estará 100% pronta, mas, por opção da BWA, algumas modificações e customizações poderão ser feitas posteriormente”, explica Barroso.

“Esses ajustes operacionais serão feitos para maximizar a rentabilidade do estádio, mas sem interferir no funcionamento da arena para o público”, afirmou Azevedo. Ele informou ainda que o plano operacional está elaborado e será divulgado após aprovação do Governo.

Durante a entrevista, foi divulgado também novo vídeo do estádio Independência que mostra a evolução da obra. O link do novo vídeo é o seguinte: http://youtu.be/Db5FeGct2ag.

“Teremos, até o final do ano, dois estádios de padrão internacional em Belo Horizonte. Para o Governo, a paixão dos mineiros pelo futebol é tão forte que esse esporte se tornou um patrimônio cultural”, concluiu Barroso

Novo Independência

O novo Independência terá a capacidade de público ampliada de 10 para 25 mil pessoas, todos os assentos cobertos com material que reduz a emissão de som para a área externa; 422 vagas para estacionamento; duas torres de serviço que abrigam a administração, posto médico, central de vídeo monitoramento, central de comando do estádio, áreas de hospitalidade e áreas de segurança pública; dois elevadores e uma plataforma, além de rampas asseguram acesso a todos os níveis; sistema moderno de iluminação que evita sombras nas transmissões de jogos noturnos; grama com sistemas de drenagem e de irrigação recomendados pela Fifa; acesso facilitado por estação do metrô a 600 metros e, em dias de eventos, haverá mais ônibus e táxis no entorno do estádio; os vestiários contarão com  auditório para entrevistas coletivas; haverá 2 lojas e 32 bares e lanchonetes espalhados nos diferentes setores do estádio; para a imprensa estarão disponíveis16 cabines (rádio e TV) e 72 postos de trabalho (imprensa escrita); os camarotes ocuparão um espaço flexível com capacidade para aproximadamente 2.225 pessoas.

Fonte: http://www.agenciaminas.mg.gov.br/noticias/estadio-independencia-sera-reinaugurado-dia-25-de-abril/