Copa 2014: Governo de Minas qualifica trabalhadores

Copa 2014: Alunos concluíram o curso “Noções de inglês para o turismo”, promovido pelo Governo de Minas

Gestão Anastasia: Governo de Minas

Jean Oliveira/Sete
Os 123 alunos foram qualificados visando a Copa
Os 123 alunos foram qualificados visando a Copa

A Secretaria de Estado de Trabalho e Emprego (Sete) certificou, nesta segunda-feira (5), no Auditório Juscelino Kubitschek, na Cidade Administrativa Presidente Tancredo Neves, 123 alunos entre taxistas, policiais militares, frentistas e agentes de saúde, no curso “Noções de inglês para o turismo”. A iniciativa faz parte das ações de qualificação profissional do Governo de Minas para a Copa do Mundo de 2014.

O curso foi realizado na unidade de atendimento ao trabalhador do Sine do município de Vespasiano, com recursos do Plano Territorial de Qualificação (Planteq), do Ministério do Trabalho e Emprego, geridos pela Sete. Após 200 horas, entre aulas teóricas e práticas, os alunos participantes receberam o certificado de conclusão do curso, que teve como parceiro o Instituto de Gestão de Políticas Sociais (Gesois). O conteúdo abordado durante o curso passou pelas situações cotidianas vivenciadas pelos profissionais, como se apresentar, dar informações, ajudar em situações de emergência.

Durante a cerimônia o secretário de Estado de Trabalho e Emprego, Hélio Rabelo, destacou a importância do primeiro passo. “O Governo de Minas dá o primeiro passo qualificando esses profissionais, que além de serem a nossa porta de entrada são também vitais no atendimento àqueles estrangeiros que chegam até a nossa cidade”.

Rabelo, disse ainda, que “ensinar uma língua estrangeira não é tarefa fácil, mas se queremos entrar no cenário mundial precisamos aproveitar as oportunidades. Hoje esses formandos souberam aproveitar essa oportunidade e estão se preparam também para o mundo”, comemorou.

O Tenente Bragança, do 36º Batalhão de Vespasiano, na região metropolitana, soube do curso de inglês e não perdeu a oportunidade. “Se é o Estado que me oferece essa chance, não posso deixar de aceitá-la. Já tinha uma vontade em fazer esse tipo de curso, mas não tinha tempo e nem condições financeiras”. O militar se diz satisfeito com o resultado. “O curso atendeu as minhas expectativas. Tudo que aprendi será muito útil no meu trabalho”.

Raissa Helena Castilho dos Reis, também aprovou a iniciativa. Agente de saúde em Vespasiano, a aluna acredita que a oportunidade traz bons resultados. “Aprendi noções básicas de inglês que são fundamentais para o meu trabalho. Agora, quando tiver que lidar com algum turista estrangeiro, estarei preparada para atendê-lo da melhor forma possível”.

O taxista Márcio Júnior Campos, que atua também na região de Vespasiano, disse estar aliviado com a conclusão do curso. “Antes era complicado entender o que os passageiros estrangeiros falavam. Até perdia corridas. Agora consigo atender melhor meus passageiros.

Participaram da reunião o secretário de Estado Extraordinário da Copa do Mundo, Tiago Lacerda, o superintendente de Política de Formação e Qualificação para o Trabalho da Sete, Bruno Magalhães, o presidente da Gesois, Hidelmano Amorim, o Comandante do 36º Batalhão da Polícia Militar, o Tenente Coronel Marcelo Martins de Resende e o coordenador do Sine de Vespasiano, Glauco Souza.

Fonte: http://www.agenciaminas.mg.gov.br/noticias/governo-de-minas-qualifica-trabalhadores-para-a-copa-do-mundo/

Anúncios

Governo de Minas: Sete inicia nova etapa de preparação dos trabalhadores mineiros

 

O seminário do Programa Travessia Renda vai preparar os professores para iniciar as ações de qualificação profissional

O professor de matemática Grauton Amaral trabalha com educação há oito anos e é a primeira vez que ele vê os jovens de sua cidade animados para conhecer mais sobre a construção civil. “Iniciamos o cadastramento de jovens que se interessem em fazer um curso de alvenaria ou de eletricista. Foi surpreendente a vontade e a procura. Hoje vemos que 40 vagas será pouco para nossa cidade”, comemora o professor da cidade de Mata Verde no Norte de Minas. Estes e outros depoimentos estão sendo apresentados no Seminário de Alinhamento das Ações do Programa Travessia Renda, realizado pela Secretaria de Estado de Trabalho e Emprego (Sete), nesta quinta-feira (10), na cidade de Janaúba, Norte de Minas. A iniciativa reuniu os professores e instrutores que vão iniciar os cursos de qualificação profissional do Travessia Renda em 40 cidades do Norte de Minas.

Durante a abertura, o secretário da SETE, Carlos Pimenta, destacou as ações sociais do Governo de Minas. “As obras que mais marcam a vida das pessoas são as obras sociais e o Governador Anastasia está fazendo isto muito bem. O Travessia, que é um grande programa coordenado pela Secretaria de Desenvolvimento Social (Sedese), tem feito um belo trabalho e nós, da Secretaria de Trabalho, estamos atuando com o Travessia Renda, em um eixo primordial para este governo que é a geração de renda para as famílias. Queremos que os cidadãos tenham a oportunidade de ter uma formação e ganhar sua própria renda”, enfatizou o secretário.

Representando os municípios beneficiados, o prefeito de Janaúba, José Benedito, agradeceu os benefícios que têm chegado à Janaúba e região. “Nós somos testemunhas da presença do Governo de Minas nesta região. Hoje o Norte de Minas tem se transformado a cada dia e sabemos que o emprego é o principal fator”.

As discussões continuam nesta sexta-feira (11), e já na segunda-feira (14), as aulas já devem começar em todos os municípios que recebem as ações do Travessia Renda.

Compromisso

Na quarta-feira (2), o governador em exercício, Dinis Pinheiro, e o secretário Carlos Pimenta, assinaram o Termo de Compromisso do Travessia Renda, no Palácio Tiradentes, em Belo Horizonte. Para este ano, a meta do Governo de Minas é qualificar 3.200 trabalhadores nestes municípios. A contribuição para execução do programa será de R$ 8,6 milhões.

Inclusão social e produtiva

O Travessia Renda faz parte do Programa Travessia, lançado em 2008 com o objetivo de promover a inclusão social e produtiva da população pobre do Estado. Por meio do programa são desenvolvidas ações simultâneas e articuladas entre várias secretarias e órgãos públicos estaduais nas áreas de saúde, educação, saneamento, emprego e renda. Os cursos de qualificação, promovidos pelo Governo de Minas em parceria com a iniciativa privada, buscam atender a demanda dos municípios participantes do projeto.

Além do Travessia Renda, fazem parte do Programa Travessia os projetos “Porta a Porta”, responsável por identificar as reais necessidades da população pobre do Estado; o “Travessia Social”, que desenvolve ações para minimizar as privações sociais das famílias; o “Com Licença Vou à Luta”, que promove a inclusão social e econômica de mulheres com mais de 40 anos desempregadas e de baixa escolaridade e o “Banco Travessia”, que visa incentivar o retorno e a inserção de pessoas aos estudos, com abertura de uma poupança para cada pessoa que retomar às salas de aula. Uma família pode receber até R$ 5 mil. Em 2012, serão repassados R$ 140 mil para as dez agências do Banco Travessia já em funcionamento.

Fonte: http://www.agenciaminas.mg.gov.br/noticias/sete-inicia-nova-etapa-de-preparacao-dos-trabalhadores-mineiros/

Gestão Anastasia: Governo de Minas inaugura unidade do Sine no Centro-Oeste do Estado

Agência aberta em São Gonçalo do Rio Abaixo irá servir como apoio aos trabalhadores e empregadores

Divulgação/Sete MG
Nova unidade está preparada para atender com excelência os trabalhadores do município, diz Hélio Rabelo
Nova unidade está preparada para atender com excelência os trabalhadores do município, diz Hélio Rabelo

A busca por uma colocação no mercado de trabalho vai ficar mais fácil para os cidadãos de São Gonçalo do Rio Abaixo, cidade que tem a extração de minério de ferro como principal característica econômica. Localizado na região Centro-Oeste de Minas, o município conta, agora, com a estrutura da Unidade de Atendimento ao Trabalhador do Sistema Nacional de Emprego (Sine-MG), coordenada pela Secretaria de Estado de Trabalho e Emprego (SETE). A unidade que, funciona na rua Januária, nº 834, bairro Guanabara, irá servir como apoio aos trabalhadores e empregadores da cidade.

Com capacidade de atender cerca de 70 trabalhadores ao dia, a unidade vai prestar os serviços de intermediação de mão de obra, ações de seguro-desemprego, qualificação social e profissional, fomento às atividades empreendedoras e informações sobre o mercado de trabalho.

De acordo com o secretário Adjunto de Estado de Trabalho e Emprego, Hélio Rabelo, a nova unidade está preparada para atender com excelência os trabalhadores do município. “Com a chegada dessa unidade à cidade, que vem crescendo cada dia mais, os trabalhadores terão melhores condições de acesso, permanência ou retorno ao mercado de trabalho sem depender dos municípios vizinhos”, afirma.

O secretário Adjunto, Hélio Rabelo, ressaltou ainda a atenção que o secretário de Estado de Trabalho e Emprego, Carlos Pimenta, dispensou para que o município, que é cercado por grandes empresas e que tem previsão de receber outras 12, a médio e longo prazo, recebesse a unidade do Sine. “Ninguém faz nada sozinho. No propósito do governador Antonio Anastasia, o secretário Carlos Pimenta junto à equipe da SETE e prefeitura somaram esforços e realizaram um brilhante trabalho. A unidade, que é a casa do trabalhador e a porta de entrada para um futuro melhor, será agora referência de trabalho em São Gonçalo do Rio Abaixo”, pontua Hélio Rabelo.

O prefeito de São Gonçalo do Rio Abaixo agradeceu o empenho da SETE e destacou que a inauguração da unidade sela o bom trabalho realizado pelo Governo de Minas em parceria com os municípios. “A soma dos esforçou facilitou o trabalho e se concretizou na unidade que agora abrigamos. A unidade aqui na cidade vai ser muito importante, pois vai ampliar as oportunidades dos nossos trabalhadores”, comemora o prefeito.

Sine

O Sistema Nacional de Emprego (Sine) é coordenado em Minas Gerais pela Secretaria de Estado de Trabalho e Emprego (SETE). Contando com essa inauguração em São Gonçalo do Rio Abaixo, o Estado conta com 133 unidades espalhadas por todas as regiões. As unidades oferecem aos trabalhadores a oportunidade de encontrarem uma ocupação no mercado, emitirem carteira de trabalho, dar entrada no benefício do seguro-desemprego, além do acesso a diversos cursos de qualificação profissional.

Para que um município possa receber a unidade do Sine, é preciso seguir alguns critérios estabelecidos pelo MTE, como, por exemplo, possuir uma População Economicamente Ativa (PEA) acima de 10 mil habitantes. A demanda é levada ao Conselho Estadual do Trabalho, Emprego e Geração de Renda (Ceter) que, após aprovação, encaminha a solicitação ao MTE.

Fonte: http://www.agenciaminas.mg.gov.br/noticias/governo-de-minas-inaugura-unidade-do-sine-no-centro-oeste-do-estado/

Governo de Minas: secretarias de Estado participam do Ação Global Nacional 2012 em Betim

Cidadãos terão a oportunidade de participar programas do Governo de Minas em diversas áreas

A Fundação Ultramig, vinculada à Secretaria de Estado de Trabalho e Emprego (Sete), Secretaria de Estado de Saúde (SES) e a Secretaria de Estado de Desenvolvimento Social (Sedes) , em  parceria com o Serviço Social da Indústria (SESI) e Rede Globo, participará do próximo “Ação Global Nacional”, que será realizada sábado (5), em Betim.

A Fundação Ultramig irá oferecer serviços gratuitos nas áreas de educação, saúde, meio ambiente, cultura, alimentação, esporte e lazer, além de cidadania.

Os psicólogos da Fundação irão aplicar testes vocacionais para a população, com o objetivo de orientar na escolha da carreira. Os cidadãos terão ainda a oportunidade de participar da “Ciranda das Profissões”, quando poderão obter informações sobre a tendência do mercado e as carreiras em alta.

Para o presidente da Fundação Utramig, José Murilo Resende, o desafio para a aquisição do primeiro emprego está na falta de profissionais qualificados para atender às demandas do mercado. “É muito importante que o profissional obtenha informações sobre as profissões, pois as vagas existem. Minas Gerais tem batido vários recordes em geração de postos de trabalho, ainda assim temos condições de ampliar mais o aproveitamento das vagas se preparamos melhor o cidadão”, completa o José Murilo Resende.

A Secretaria de Estado de Saúde irá promover serviços de saúde e diversas atividades, como a mobilização para o combate à dengue, vacinação contra a gripe e Projeto Mães de Minas que tem como objetivo a redução da mortalidade materna e infantil. No dia, a SES irá oferecer também vacinas gratuitas contra a Influenza, marcando a abertura da “14ª Campanha Nacional de Vacinação contra a Influenza”, que ocorre entre no período entre o dia 5 a 25 de maio. Trata-se de uma vacina trivalente, que protege contra três vírus diferentes, incluindo gripe sazonal e Influenza A H1N1.

Duas equipes da secretaria de Estado de Desenvolvimento Social (Sedese), irão participar do evento, a equipe do Poupança Jovem e a equipe do Conselho Estadual da Mulher (CEM).

Fonte: http://www.agenciaminas.mg.gov.br/noticias/secretarias-de-estado-participam-do-acao-global-nacional-2012-em-betim/

Governo de Minas: Fundação Utramig participa do Ação Global Nacional 2012

Os cidadãos terão a oportunidade de participar da “Ciranda das Profissões”, quando poderão obter informações sobre a tendência do mercado e as carreiras em alta

A Fundação Utramig, vinculada à Secretaria de Estado de Trabalho e Emprego (Sete), participará do Ação Global Nacional 2012. O evento será neste sábado (5), das 9h às 16h, no Complexo Esportivo do Teresópolis, em Betim, na Região Metropolitana de Belo Horizonte (RMBH). Serão oferecidos serviços gratuitos nas áreas de educação, saúde, meio ambiente, cultura, alimentação, esporte e lazer, além de cidadania.

Os psicólogos da Fundação Utramig irão aplicar testes vocacionais para a população, com o objetivo de orientar na escolha da carreira. Os cidadãos terão ainda a oportunidade de participar da “Ciranda das Profissões”, quando poderão obter informações sobre a tendência do mercado e as carreiras em alta.

Segundo a diretora de Qualificação e Extensão da Utramig, Roseli de Coimbra, a falta de informação na hora da escolha da profissão pode gerar frustrações posteriores. “É muito importante que haja espaços de reflexão, como o que será oferecido no Ação Global, que permita ao jovem pensar em suas opções profissionais, promovendo o debate e verificando sua percepção acerca das profissões que ele considera atuar”.

Para o presidente da Fundação Utramig, José Murilo Resende, o desafio para a aquisição do primeiro emprego está na falta de profissionais qualificados para atender às demandas do mercado. “É muito importante que o profissional obtenha informações sobre as profissões, pois as vagas existem. Minas Gerais tem batido vários recordes em geração de postos de trabalho, ainda assim temos condições de ampliar mais o aproveitamento das vagas se preparamos melhor o cidadão”, completa o José Murilo Resende.

Serviço:

Ação Global Nacional

Data: 05/05/2012 – sábado

Horário: 9h às 16h

Local: Complexo Esportivo Jardim Teresópolis – Rua Dulce Brandão, 52 – bairro Jardim Teresópolis – Betim/MG

Fonte: http://www.agenciaminas.mg.gov.br/noticias/fundacao-utramig-participa-do-acao-global-nacional-2012/

Governo Anastasia: políticas públicas para o trabalho e renda têm destaque no Governo de Minas

No Dia Internacional do Trabalhador, secretário Carlos Pimenta destaca ações desenvolvidas para os mineiros

Divulgação SETE
13 novas unidades do Sine Móvel estão previstas para serem entregues este ano
13 novas unidades do Sine Móvel estão previstas para serem entregues este ano

Bibliotecárias, enfermeiras, frentistas, bombeiros, pedreiros, médicos, costureiras, motoristas, jornalistas, secretárias, cabelereiros, artistas, cientistas, garis, atletas, advogados, professores… Todos os trabalhadores que se dedicam com afinco à sua profissão merecem ser homenageados neste 1º de maio, quando é comemorado o Dia Internacional do Trabalhador.  Nesta data, o Governo de Minas, por meio da Secretaria de Estado de Trabalho e Emprego (SETE), reforça que o trabalhador tem papel primordial nas políticas públicas do Estado.

Atualmente, 4 milhões de trabalhadores atuam no mercado de trabalho mineiro com carteira assinada, nos mais diversos setores e ocupações, de acordo com os dados do Cadastro Geral de Emprego e Desemprego (Caged). Esse expressivo número é reflexo das ações que vêm sendo desenvolvidas pelo Governo de Minas, por meio da SETE. Outra confirmação desse trabalho, que visa a geração de empregos e renda de qualidade, é a taxa de desemprego apresentada pela Pesquisa de Emprego e Desemprego (PED). O estudo, divulgado no último dia 25 de abril, apontou que a região metropolitana de Belo Horizonte (RMBH) tem a menor taxa de desemprego entre as regiões metropolitanas de todo o país (5,4%).

“Estamos felizes por apresentarmos baixíssimas taxas de desemprego e sermos destaque nacional. Em 2012, vamos trabalhar, ainda mais, para que, nesse e nos próximos anos de governo, possamos obter resultados ainda mais audaciosos, como nos orienta o governador Anastasia”, explicou o secretário de Estado de Trabalho e Emprego, Carlos Pimenta.

Milhares vagas estão disponíveis aos trabalhadores nas 132 unidades do Sistema Nacional de Emprego (Sine MG). Além da intermediação da mão de obra, as unidades do Sine prestam serviços totalmente gratuitos de habilitação e postagem do seguro-desemprego; cadastro e encaminhamento do trabalhador para programas de qualificação profissional e também de competências básicas para o trabalho; e emissão das Carteiras de Trabalho e Previdência Social (CPTS). A previsão é que mais 13 novas unidades estejam disponíveis ao trabalhador, ainda este ano.

Qualificação profissional

No âmbito da qualificação profissional, a Secretaria de Estado de Trabalho e Emprego desenvolve quatro programas: o Plano Territorial de Qualificação (PlanteQ), o Travessia Renda, o Projovem Trabalhador – Juventude Cidadã, e a qualificação de famílias beneficiadas pelo CadÚnico (Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal).

Todos os programas tem como objetivo a elevação da empregabilidade preparando o trabalhador, por meio da qualificação profissional, para o mercado de trabalho. Durante o ano de 2012, um total de 23.066 trabalhadores serão qualificados podendo, então, ingressar no mercado com competências e qualidade para atuar.

Geração de renda

Dar apoio ao trabalhador autônomo também é uma das metas da SETE. Ações para estimular a  inclusão produtiva, e a economia solidária, auxiliam no combate para a superação da extrema pobreza. O Programa de Inclusão Produtiva é realizado em parceria com o Governo Federal e visa à promoção da inclusão produtiva em Minas, por meio do assessoramento e qualificação profissional de empreendimentos individuais, familiares e coletivos. Seu eixo principal é constituir Núcleos de Inclusão Produtiva (NIP) que identificarão e farão o acompanhamento dos empreendimentos no município sede e região, num total de 13.500 pessoas beneficiadas em 75 municípios.

Já o projeto de “Promoção de Ações Integradas de Economia Solidária para o Desenvolvimento Local e Territorial visando a Superação da Extrema Pobreza”, também realizado em parceria com o Governo Federal, pretende implementar a economia solidária para promover o desenvolvimento sustentável dos territórios eleitos. Este projeto promoverá impactos quantitativos no sentido de incluir populações alijadas dos processos de produção, além de promover impactos qualitativos no que concerne à produção, certificação, escoamento do produto resultado dos empreendimentos, além do apoio e ampliação dos empreendimentos já existentes.

Preocupação permanente com o trabalhador

As cidades que não possuem uma unidade física do Sine podem contar com a unidade móvel de atendimento. O Sine Móvel, uma iniciativa da SETE, e presta atendimento aos trabalhadores dos municípios que não possuem unidades do Sine ou em casos emergenciais. A unidade tem a capacidade de realizar serviços de emissão de Carteira de Trabalho e Previdência Social (CTPS), cadastro no banco de dados do Sine, encaminhamento para emprego e inscrição para cursos de qualificação.

Uma novidade para os trabalhadores nesse ano é o Pronatec – Seguro-desemprego. O Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec) tem o objetivo de ampliar a oferta de educação profissional e tecnológica dos trabalhadores reincidentes do seguro-desemprego. São reincidentes aqueles que solicitaram o benefício do SD pela terceira vez, ou mais, em um período de dez anos. Esses trabalhadores participarão de cursos diurnos de formação inicial e continuada, com carga horária mínima de 160 horas, recebendo auxílio de transporte e alimentação.

Assim, o Governo de Minas demonstra a preocupação com o bem do trabalhador mineiro. “O dia 1º de maio é um dia para celebrar e fazer reflexões. O povo mineiro é trabalhador e não tem medo de lutar pelos seus objetivos e seu valor. Parabéns aos trabalhadores mineiros. Não se esqueçam que o Governo de Minas trabalha, sempre, por você”, enfatiza o secretário Carlos Pimenta.

Fonte: http://www.agenciaminas.mg.gov.br/noticias/politicas-publicas-para-o-trabalho-e-renda-tem-destaque-no-governo-de-minas/

Governo de Minas: Sine-MG cadastra autônomos para trabalho temporário no Alto Paranaíba

Iniciativa da SETE integra campanha de preservação ambiental em Patos de Minas

Trabalhadores desempregados de Patos de Minas, no Alto Paranaíba, têm, a partir de agora, a oportunidade de realizarem um trabalho temporário, com remuneração por dia de serviço.  A Secretaria de Estado de Trabalho e Emprego (Sete), por meio da unidade de atendimento do Sistema Nacional de Emprego (Sine) de Patos de Minas, está cadastrando, gratuitamente, autônomos para capinar lotes e terrenos na cidade.

Essa é uma parceria com a Prefeitura de Patos de Minas, o Ministério Público Estadual e a Polícia Militar do Meio Ambiente e Trânsito, para limpeza de áreas particulares notificadas, como parte da campanha de prevenção de queimadas e preservação ambiental. Os proprietários dos terrenos também devem se cadastrar para que a unidade do Sine faça o encaminhamento do trabalhador que realizará o serviço. Os valores pagos por serviço serão definidos pelos próprios trabalhadores, em reunião com a coordenação da unidade.

Interessados devem procurar a unidade de atendimento ao trabalhador do Sine em Patos de Minas, localizada na rua José de Santana, nº 99 , Centro, das 8h às 18h, de segunda a sexta-feira. Os documentos necessários para cadastro são identidade, CPF, atestado médico e atestado de bons antecedentes.

Também são parceiros nessa iniciativa o Corpo de Bombeiros Militar de Minas Gerais, o Departamento de Estradas e Rodagem (DER-MG), o Conselho Integrado de Meio Ambiente (Cima), a Associação de Proteção Animal e Ambiental de Patos de Minas (Aspaa) e o Centro Universitário de Patos de Minas (Unipam).

Fonte: http://www.agenciaminas.mg.gov.br/noticias/sine-mg-cadastra-autonomos-para-trabalho-temporario-no-alto-paranaiba/

Gestão Anastasia: Governo de Minas participa de ação em bairros de Belo Horizonte e Sabará

Moradores de dois bairros da capital e um de Sabará poderão obter suas carteiras de trabalho e se candidatar a vagas de emprego

O final de semana será propício para o cidadão belo-horizontino e sabarense interessado em emitir carteira de trabalho e se cadastrar para uma vaga de emprego. Isso porque a Secretaria de Estado de Trabalho e Emprego (Sete) vai colocar três equipes nas ruas de Belo Horizonte e Sabará para prestarem os serviços à população. A ação será realizada nos bairros Vila Pinho – neste sábado (28) – e Ribeiro de Abreu – neste domingo (29) –, em Belo Horizonte, e General Carneiro – neste sábado (28) –, em Sabará.

A equipe da Vila Pinho, região do Barreiro, emitirá Carteiras de Trabalho e Previdência Social (CTPS), e cadastrará e selecionará os trabalhadores interessados em atuar como atendentes de call center. A equipe vai estar na Escola Municipal Professor Lucas Monteiro (rua H, nº 12), das 9h às 16h. Para concorreràs vagas, o candidato deve ter mais de 18 anos, ensino médio em curso ou completo, conhecimentos básicos de informática, além de estar munido com Carteira de Identidade, CPF e Carteira de Trabalho (caso não tenha, ela pode ser emitida na hora).

O processo seletivo será realizado no mesmo dia e local. A ocupação oferta: salário fixo, plano de saúde, assistência odontológica, vale-transporte e lanche e oportunidade de crescimento profissional. O evento é fruto de uma parceria entre a Sete e s Secretaria de Estado de Desenvolvimento Social (Sedese).

A ação para os moradores da Vila Pinho envolve também a Secretaria de Estado de Saúde (SES), que vai trocar com a comunidade objetos inservíveis, que geram focos da dengue, por material escolar. A Cemig também participa da ação e vai renegociar débitos em condições especiais. A Faculdade Universo também vai prestar atendimento jurídico e o Clube Mackenzie vai promover uma seletiva de futsal feminino.

Outra equipe estará presente no bairro General Carneiro, em Sabará, participando do evento “Rua de Lazer da Casa Azul”. Durante o dia festivo para a comunidade, a equipe vai emitir a Carteira de Trabalho dos moradores a partir das 9h, na rua Mariana, 3.001. O evento é uma parceria entre Governo de Minas, Prefeitura de Sabará e Sesc.

Já o bairro Ribeiro de Abreu, na capital, receberá uma equipe da Sete para emitir a Carteira de Trabalho. A ação visa beneficiar os moradores com atividades voltadas para a cidadania, saúde, cultura e lazer. O evento será realizado das 9h às 15h, na rua Dianópolis, esquina com a rua Rogério Aparecido da Silva.

Documentos necessários para emissão de Carteira de Trabalho e Previdência Social (CTPS)

O interessado em tirar a CTPS deverá apresentar o documento de identidade com foto ou certidão de nascimento/casamento e foto 3×4. É importante ressaltar que Carteira Nacional de Habilitação e Passaporte não servem para emissão de CTPS. O documento é gratuito e será entregue na hora.

Sine

Os trabalhadores que não puderem participar da ação realizada no fim de semana podem contar com 13 unidades do Sistema Nacional de Emprego (Sine) existentes nos dois municípios beneficiados. Para emitir a carteira de trabalho, os interessados devem acessar o site da Sete e agendar dia e horário para atendimento.

Atualmente, existem 132 unidades de atendimento ao trabalhador do Sine em todo o Estado. Elas prestam serviços totalmente gratuitos de intermediação de mão de obra (cadastro de empresas para oferta de vagas e cadastro e encaminhamento de trabalhadores para oportunidades de trabalho); habilitação e postagem do seguro-desemprego; cadastro e encaminhamento do trabalhador para programas de qualificação profissional e também de competências básicas para o trabalho; e a emissão das Carteiras de Trabalho e Previdência Social.

Fonte: http://www.agenciaminas.mg.gov.br/noticias/governo-de-minas-participa-de-acao-em-bairros-de-belo-horizonte-e-sabara/

Governo de Minas: moradores da Vila Pinho terão acesso a diversos serviços neste sábado

Todos os serviços são gratuitos e a expectativa é atender mais de mil pessoas

Órgãos públicos e entidades privadas se uniram para prestar uma série de serviços aos moradores da Vila Pinho, região do Barreiro. A iniciativa, planejada pela Assessoria de Assuntos para Vilas e Favelas, vinculada à Secretaria de Estado de Desenvolvimento Social (Sedese), será realizada neste sábado (28), das 9h às 16h, na Escola Municipal Ciac Lucas Monteiro Machado, Rua H, 12, na própria comunidade.

Além da Sedese, fazem parte da ação a Secretaria de Estado de Saúde (SES), para promover a troca de inservíveis que geram focos de dengue por material escolar, a Secretaria de Estado de Trabalho e Emprego (Sete), que vai oferecer vagas de emprego por meio do Sine, a Cemig, para renegociar débitos em condições especiais, a Faculdade Universo (atendimento jurídico) e o Clube Mackenzie, que vai promover uma seletiva de futsal feminino.  Haverá, também, apresentação do grupo de percussão formado por alunos da escola Ciac Lucas Monteiro Machado.

Todos os serviços são gratuitos e a expectativa dos organizadores é atender mais de mil pessoas.  O responsável pela Assessoria de Assuntos para Vilas e Favelas, Weslei Morais, explica que se trata de um projeto piloto. “É uma iniciativa que será desenvolvida em outras comunidades. Vamos avaliar o que deu certo ou errado nesta primeira ação e o que podemos melhorar”, destacou.

Fonte: http://www.agenciaminas.mg.gov.br/noticias/moradores-da-vila-pinho-terao-acesso-a-diversos-servicos-neste-sabado/

Governo de Minas: taxa de desemprego na RMBH é a menor já registrada para o mês de março

Número de desempregados tem ligeira alta em relação a fevereiro, mas é o mais baixo desde 1996

A taxa de desemprego na Região Metropolitana de Belo Horizonte passou dos 5,1% registrados em fevereiro para 5,4% em março. Apesar do acréscimo, o número é o menor relativo ao mês de março, de acordo com a série histórica iniciada em 1996. Os dados são parte da Pesquisa de Emprego e Desemprego na Região Metropolitana de Belo Horizonte (PED-RMBH) e foram divulgados nesta quarta-feira (25) pela Fundação João Pinheiro, Dieese, Secretaria de Estado de Trabalho e Emprego (Sete) e Fundação Seade.

Entre as sete Regiões Metropolitanas avaliadas pela PED (Distrito Federal, Fortaleza, Porto Alegre, Recife, Salvador e São Paulo), a de Belo Horizonte mantém a menor taxa de desemprego pelo 9º mês consecutivo.

O número de ocupados teve queda de 22 mil pessoas (1,0%) em relação a fevereiro e 15 mil pessoas deixaram de fazer parte do mercado de trabalho, o que resultou no acréscimo de 7 mil pessoas no número de desempregados (5,6%). No período, o tempo médio de procura por trabalho foi de 26 semanas, duas a menos em relação a fevereiro.

“Este também é o menor tempo médio de procura já registrado desde o início da série histórica. Em julho de 2004 chegamos a apresentar média de 70 semanas. Hoje, metade das pessoas que estão à procura de emprego encontram em apenas 13 semanas”, analisa a coordenadora da PED pelo Dieese, Gabrielle Selani.

Setores

Na comparação com o mês de fevereiro, o agregado “outros setores” registrou aumento de 3.000 mil empregos, enquanto que o contingente de ocupados na construção civil permaneceu estável. Em movimento contrário, comércio e indústria sofreram reduções de 10 mil vagas cada e o setor de serviços, de 5 mil.

Segundo a pesquisa, entre março de 2011 e março de 2012, houve acréscimo de 61 mil postos de trabalho no setor privado (4,9%). Foi registrada ainda relativa estabilidade no emprego público (alta de  0,3%) e o número de assalariados com carteira de trabalho assinada aumentou em 63 mil (5,7%). No período analisado, o número de empregados domésticos decresceu em 11 mil (7,0%).

“Os setores de serviços e da construção civil destacam-se com crescimentos significativos quando comparados a março do ano passado. São setores muito importantes para a economia da RMBH e ocupam atualmente cerca de 1,4 milhão de pessoas”, observa Selani.

Rendimentos

Em fevereiro, o rendimento real médio dos ocupados foi estimado em R$ 1.441, redução de 2,7% em comparação com janeiro. Já no setor privado, foi observado aumento no salário médio do comércio (2,7%) e reduções no setor de serviços (5,4%) e na indústria (3,8%).

Perspectivas

Para o secretário de Estado de Trabalho e Emprego, Carlos Pimenta, os números apontados são um bom indicativo de que o desemprego vai permanecer estável. “Não podemos almejar taxas mais baixas, pois há jovens em busca do primeiro emprego ou trabalhadores que estavam inativos e estão retornando ao mercado de trabalho, por exemplo, e que sempre contarão na taxa de desemprego. Mas estamos realmente felizes por termos os melhores números em todo o país”, afirmou.

Gabrielle Selani também avalia que a atual taxa de desemprego da RMBH está bastante positiva, não há espaço para uma grande redução.  “É normal haver uma pequena elevação nos meses iniciais do ano e, caso não haja surpresas na economia ao longo de 2012, as taxas poderão, inclusive, diminuir no segundo semestre”, conclui.

Fonte: http:// www.agenciaminas.mg.gov.br/noticias/taxa-de-desemprego-na-rmbh-e-a-menor-ja-registrada-para-o-mes-de-marco/