Governo de Minas: Regional de Saúde de Uberaba capacita técnicos para vacinação contra Influenza

Cerca de 80 técnicos em imunização, zoonoses, enfermeiros e coordenadores de epidemiologia particparam da capacitação

Sara Braga/SES-MG
capacitação foi realizada pelo Núcleo de Epidemiologia e abordou também, doenças como Sarampo e Rubéola e a vacinação contra Raiva
capacitação foi realizada pelo Núcleo de Epidemiologia e abordou também, doenças como Sarampo e Rubéola e a vacinação contra Raiva

Cerca de 80 técnicos em imunização, zoonoses, enfermeiros e coordenadores de epidemiologia dos municípios da macrorregião Triângulo do Sul foram capacitados nessa quinta-feira (12), para a Campanha de Vacinação contra Influenza 2012, na Superintendência Regional de Saúde de Uberaba. A capacitação foi realizada pelo Núcleo de Epidemiologia e abordou também, doenças como Sarampo e Rubéola e a vacinação contra Raiva deste ano.

Segundo a coordenadora do Núcleo de Epidemiologia Mirley Azambuja, o objetivo da campanha é reduzir a morbimortalidade e as internações causadas por síndrome gripal. “A campanha acontecerá entre os dias 5 e 25 de maio e será destinada a gestantes, pessoas de 60 anos e mais e crianças de 6 meses a menores de 2 anos. Na regional de Uberaba, serão recebidas 115 mil doses para vacinar a população alvo de 110 mil pessoas, sendo que a meta é alcançar 80% deste total”, falou.

Fonte: http://www.agenciaminas.mg.gov.br/noticias/regional-de-saude-de-uberaba-capacita-tecnicos-para-vacinacao-contra-influenza/

A diretora de Vigilância Epidemiológica do município de Uberaba, Eliane de Lacerda, afirma que o próximo passo é reunir os enfermeiros para repassar as informações e iniciar a divulgação para a população. “No dia D de Vacinação, 5 de maio, todas as Unidades de Saúde do município, exceto as de Pronto Atendimento (UPA), funcionarão das 8h às 17h. As pessoas acamadas serão agendadas pelas equipes de Estratégia de Saúde da Família (ESF) e nas áreas onde não há cobertura de ESF, será possível agendar pelo telefone: (34) 3322 7822”, conclui Lacerda.

Influenza na SRS Uberaba

Em 2009, ano em que ocorreu a pandemia de Influenza A (H1N1), foram monitorados 150 casos suspeitos na SRS Uberaba. Destes, 62 foram confirmados para H1N1, com 13 óbitos e 22 para Influenza Sazonal e outros subtipos gripais; os demais foram negativos. Em 2010 foram monitorados 11 casos, todos com resultados negativos para Influenza. Em 2011, foram monitorados 12 casos, sendo apenas 1 confirmado para Influenza Sazonal. Em 2012, já foram monitorados 4 casos, sendo 3 negativos para Influenza e 1 ainda aguarda resultado.

Fonte: http://www.agenciaminas.mg.gov.br/noticias/regional-de-saude-de-uberaba-capacita-tecnicos-para-vacinacao-contra-influenza/

Gestão da Saúde: Uberaba capacita referências para novos Sistemas de Informação de Imunizações e Vacinas

O sistema coleta dados referentes às atividades de vacinação de forma individualizada

O Núcleo de Vigilância Epidemiológica da Superintendência Regional de Saúde, da Secretaria de Estado de Saúde (SES-MG) promoveu, entre os dias 20 e 22 de março, capacitação dos profissionais de imunização na sede da SRS. A partir de agora, as salas de vacina da macrorregião Triângulo do Sul serão gradativamente informatizadas, utilizando o Sistema de Informação do Programa Nacional de Imunizações (SI-PNI). O sistema foi desenvolvido pelo Ministério da Saúde com o objetivo de coletar dados referentes às atividades de vacinação de forma individualizada, a partir da instância local, para subsidiar decisões e ações de gestão.

A referência técnica regional do SI-PNI, Roberta Resende, explica que, de acordo com o Ministério da Saúde, o novo sistema poderá subsidiar decisões e planejamentos mais adequados às realidades das equipes de saúde, pois permite a entrada de dados por indivíduo vacinado. “Informações como agendamento e estratégia de vacinação, grupos populacionais específicos, mobilidade do indivíduo, entre outras, oferecerão indicadores de coberturas vacinais mais consistentes”, conclui Roberta.

A coordenadora do Núcleo de Epidemiologia, Mirley Azambuja, acredita que a implantação do sistema será tranquila, “até porque os profissionais da área já esperavam por este programa há bastante tempo”. Ela diz ainda, que “nos municípios que possuem apenas uma sala de vacina, a implantação será imediata. Já nos de maior porte, talvez seja necessário um pouco mais de tempo, para adquirir os equipamentos necessários”.

Para o superintendente Regional de Saúde de Uberaba, Iraci Neto, o Estado vem implementando e sistematizando ações de saúde voltadas à população. Segundo ele, “a informatização vem qualificar os serviços de imunização, garantindo a fidelidade dos dados, qualificando os serviços e facilitando o planejamento de ações das equipes”.

Sistema de Informações de Insumos Estratégicos

A capacitação também abrangeu o Sistema de Informações de Insumos Estratégicos (SIES), através do qual as equipes farão controle de estoque e solicitação de imunobiológicos online. Anteriormente, cada município enviava um mapa de planejamento de material a ser utilizado durante o mês. Agora, os pedidos serão realizados diretamente no sistema. A referência técnica do programa na SRS, Maria Amélia da Silveira, afirma que o sistema proporcionará um registro mais preciso do consumo mensal dos municípios. A secretária de Saúde de Itapagipe, Maria Eduarda Cordeiro, acredita que “os serviços ficarão mais ágeis, otimizando o trabalho dos profissionais da área”.

Fonte: http://www.agenciaminas.mg.gov.br/noticias/uberaba-capacita-referencias-para-novos-sistemas-de-informacao-de-imunizacoes-e-vacinas/