Governo de Minas: Dinis Pinheiro visita centro de tratamento de usuários de drogas

Credeq, em Ravena, distrito de Sabará, é uma das comunidades terapêuticas que mantém parceria com o Estado, por meio do programa Aliança pela Vida

Omar Freire/Imprensa MG
Governador em exercício, Dinis Pinheiro, visitou o Credeq, em Ravena, distrito de Sabará
Governador em exercício, Dinis Pinheiro, visitou o Credeq, em Ravena, distrito de Sabará

O governador em exercício, Dinis Pinheiro, visitou, nesta sexta-feira (11), o Centro de Tratamento de Dependência Química (Credeq), em Ravena, distrito de Sabará, na Região Metropolitana de Belo Horizonte. O Credeq é uma comunidade terapêutica, que atende usuários de drogas e tem parceria com o Estado. Dos 52 usuários internados, 30 foram encaminhados por meio do programa Aliança pela Vida.

Acompanhado pelo presidente da Comissão de Segurança Pública da Assembleia Legislativa de Minas Gerais, deputado João Leite, e pelo subsecretário de Políticas sobre Drogas, Cloves Benevides, Dinis Pinheiro foi recebido pelo diretor executivo do Credeq, pastor Wellington Vieira.

O governador em exercício conheceu o trabalho realizado pela instituição para a ressocialização dos usuários, a maioria dependentes do crack. Visitou as instalações do Credeq e tomou café da manhã preparado pelos próprios internos, que participam de oficinas profissionalizantes de padaria e cozinha industrial.

Para Dinis Pinheiro, o apoio do Governo de Minas é fundamental para que ações de combate ao uso das drogas tenham sucesso no Estado.

“As comunidades terapêuticas são iluminadas porque elas conseguem retratar aquele ambiente mais positivo e saudável que poderíamos almejar. Consegue retratar aquele ambiente familiar e aconchegante aliado às medidas necessárias e essenciais para o enfrentamento dessa adversidade, que é a dependências das drogas”, disse.

De acordo com o subsecretário de Políticas sobre Drogas, Clóvis Benevides, as instituições prestam um serviço necessário e transformador para o país.

“As comunidades são mais que um equipamento de saúde e de assistência, pois são uma representação muito sólida do exercício do amor. Oferecem suportes que vão para além das políticas convencionais”, afirmou Benevides.

O diretor executivo do Credeq, pastor Wellington Vieira, disse que a instituição é a que registra o maior percentual de recuperação de usuários, com 70% deles retornando ao ambiente familiar, depois de cumprido o programa de tratamento.

“Se não existisse a parceria com o Governo de Minas, 90% das nossas ações serão reduzidas a nada. Precisamos do apoio do Estado para a estruturação física das comunidades, custeio e capacitação de pessoal e realização de oficinas”, disse.

Aliança pela Vida

Minas Gerais é referência em todo o país no que se refere às políticas públicas destinadas ao tratamento a usuários de drogas. Neste ano, o orçamento para área dobrou em relação a 2011, somando cerca de R$ 50 milhões.

Usuários do Credeq são beneficiados, por exemplo, pelo cartão Aliança Pela Vida, que concede auxílio financeiro mensal no valor de R$ 900 a famílias, cuja renda seja de até dois salários mínimos. Desse valor, R$ 810 são para pagamento da comunidade terapêutica. Outra vertente do programa é o SOS Drogas. Em Minas, quem disca o número 155 tem informações sobre a localização e o acesso a serviços de assistência ao dependente químico.  Outro serviço é Centro de Referência Estadual em Álcool e Drogas (Cread) que funciona na Rua Rio de Janeiro, 471 – 3º andar, em Belo Horizonte, para atendimento presencial a pessoas com dependência e apoio as famílias.

Fonte: http://www.agenciaminas.mg.gov.br/noticias/dinis-pinheiro-visita-centro-de-tratamento-de-usuarios-de-drogas/