Gestão Eficiente: Governo de Minas é referência para municípios mineiros

Secretária Renata Vilhena destaca incentivo para administrações públicas

Renato Cobucci / Imprensa MG
A secretária Renata Vilhena, que entregou o prêmio a representantes de vários municípios
A secretária Renata Vilhena, que entregou o prêmio a representantes de vários municípios

A secretária de Estado de Planejamento e Gestão, Renata Vilhena participou, nesta quarta-feira (9), da entrega do Prêmio Mineiro de Boas Práticas na Gestão Municipal, no Expominas, em Belo Horizonte. O evento, que integrou a programação do 29º Congresso Mineiro de Municípios, também contou com a participação do secretário-adjunto de Estado de Meio Ambiente, Danilo Vieira Junior, além do prefeito de São Gonçalo do Pará, Ângelo Roncalli, presidente da Associação Mineira dos Municípios (AMM) e representantes dos municípios finalistas, entre outros.

A premiação, promovida pela entidade, homenageou as prefeituras que se destacaram na gestão de recursos em busca de melhorias dos resultados, e contou com quatro categorias: Gestão da Educação; Gestão da Saúde; Gestão do Desenvolvimento Social e Gestão do Desenvolvimento Urbano/ Ambiental.

A secretária Renata Vilhena salientou a importância da instituição do prêmio para a consolidação de uma cultura da boa gestão em todo o Estado. “Para que Minas Gerais alcance os resultados almejados, é fundamental que os municípios também consigam cumprir suas metas. Por isso, os municípios também precisam avançar na melhoria da gestão”, disse ela.

Onze municípios se destacaram na premiação: Bicas, Miradouro e Santa Bárbara (Educação); Juiz de Fora, Uberlândia e Nova Lima (Saúde); Além Paraíba e Timóteo (Desenvolvimento Social) e Lassance, Pains e São Gonçalo do Rio Abaixo (Desenvolvimento Urbano/ Ambiental).

Estímulo à inovação

De acordo com a secretária, o prêmio é um grande incentivo para que as prefeituras inovem e possam estar exercendo as boas práticas. “Eu tenho convicção que a cultura da boa gestão já faz parte de Minas Gerais, haja visto o resultado da pesquisa divulgada na terça-feira pela Federação Nacional dos Municípios, que aponta o avanço dos municípios mineiros nesta área. Isso é conseqüência da semente que vem sendo plantada desde 2003, no Governo de Minas. Vamos sempre apoiar essas iniciativas, em parceria com a AMM, porque através de uma boa gestão, os resultados são alcançados”, concluiu.

Fonte: http://www.agenciaminas.mg.gov.br/noticias/onze-municipios-mineiros-sao-premiados-pela-qualidade-na-gestao-de-recursos-publicos/

Governo de Minas investe R$ 25,8 milhões no Expominas de Teófilo Otoni

Empreendimento será um dos maiores centros de convenções e feiras do interior do Estado e colocará o Vale do Mucuri na rota do turismo de negócios e eventos na região do Circuito das Pedras Preciosas.
Divulgação/Secom MG
Expominas ocupa área de 10 mil metros quadrados e terá três auditórios, espaço para feiras e museu de pedras preciosas
Expominas ocupa área de 10 mil metros quadrados e terá três auditórios, espaço para feiras e museu de pedras preciosas

Localizada numa região turisticamente conhecida como Circuito das Pedras Preciosas, Teófilo Otoni, principal cidade do Vale do Mucuri, ganhará neste ano, um dos maiores centros de convenções e feiras do interior do Estado. Trata-se do Expominas Teófilo Otoni, que está recebendo do Governo de Minas investimentos superiores a R$ 25,8 milhões, liberados por meio da Companhia de Desenvolvimento Econômico de Minas Gerais (Codemig).

Com obras já em estágio final de execução, o empreendimento ocupa área de dez mil metros quadrados e terá as mais modernas tecnologias em equipamentos de refrigeração e acústica. Além de espaço coberto para a realização de feiras, o complexo contará com três auditórios, um deles com capacidade para receber 1,2 mil pessoas em eventos como congressos, palestras, apresentações musicais e teatrais. Os outros dois auditórios, constituídos de módulos flexíveis, terão capacidade para acomodar, cada um, 400 pessoas, dependendo do porte dos eventos a serem realizados.

O Expominas de Teófilo Otoni contará ainda com um museu temático de pedras preciosas, área administrativa com três andares, camarins, áreas de serviço para carga e descarga de equipamentos, cantina, galerias para filmagens e gravações de eventos, estacionamento com capacidade para 1.000 veículos e área que futuramente viabilizará a expansão do espaço físico.

“Trata-se de um grande investimento que o Governo de Minas está fazendo em Teófilo Otoni, por meio da Codemig, e que possibilitará o incremento do turismo de negócios na região do Circuito das Pedras Preciosas”, afirma o presidente da companhia, Oswaldo Borges da Costa Filho.

Impulso para o desenvolvimento do Vale do Mucuri

Apesar de há vários anos a cidade já contar com a realização de uma movimentada feira e exposição de pedras preciosas, Teófilo Otoni ainda não possui local adequado para o evento, o que será solucionado quando o Expominas entrar em funcionamento, até o final do primeirosemestre deste ano. O empreendimento será entregue com equipamentos e mobiliário suficientes para atender demandas de diferentes tipos de eventos.

De acordo com o engenheiro Ulisses Guimarães, contratado pela Codemig para acompanhar as obras de construção do Expominas Teófilo Otoni, além da vantagem do centro de eventos estar sendo construído em área anexa ao Parque de Exposições, que abriga uma das mais movimentadas mostras agropecuárias do Estado, o empreendimento abrirá oportunidades para o Vale do Mucuri atrair diversos tipos de eventos, entre eles feiras, exposições e congressos de renome nacional e internacional.

“Trata-se de um empreendimento digno das maiores cidades do país, o que certamente possibilitará o incremento de diversos setores da economia regional, entre eles o comércio e o segmento de prestação de serviços”, conclui o presidente da Codemig, Oswaldo Borges da Costa Filho.

Fonte: Agência Minas