Gestão da Saúde: vacinação contra a Influenza começa dia 5 de maio em todo o Estado

A meta é imunizar 80% do público alvo, o que representa 2.522.623 milhões de mineiros

André Btant/SES-MG
A meta é, durante as três semanas da campanha, imunizar 80% do público alvo
A meta é, durante as três semanas da campanha, imunizar 80% do público alvo

Começa no dia 5 de maio e se estende até o dia 25 a campanha de vacinação contra a Influenza. Trata-se de uma vacina trivalente, que protege contra três vírus diferentes, incluindo gripe sazonal e Influenza A H1N1.

Em todo o Estado, serão imunizados idosos, gestantes, crianças com idade entre seis meses e dois anos, trabalhadores da área de saúde e indígenas que vivem em aldeias. Este ano, ainda irá receber a vacina, a população carcerária. A meta é, durante as três semanas da campanha, imunizar 80% do público alvo, o que representa 2.522.623 milhões de mineiros.

“Nosso objetivo é proteger a parcela da população que corre mais risco de ter a doença na forma mais grave. Com isso, vamos evitar as internações e, principalmente, a mortalidade em virtude da doença. A meta é vacinar pelo menos até 80% da população alvo”, afirma a coordenadora Estadual de Imunização da Secretaria de Estado de Saúde (SES-MG), Tânia Brant.

Com o slogan “Proteger é Cuidar”, a campanha envolverá cerca de 13 mil profissionais de saúde em Minas Gerais. Haverá ainda 5.500 postos fixos e volantes, além de 1.525 veículos. Foram investidos R$ 2.696.972,91, sendo R$ 804.960,51 provenientes do tesouro estadual. Outros R$ 1.891.967,40 serão repassados aos Fundos Municipais de Saúde para operacionalização da campanha.

A vacina contra a influenza é composta por diferentes cepas do vírus Myxovirus influenza e inativados, fragmentados e purificados. A composição e concentração das substâncias que compõem a vacina são atualizadas a cada ano, levando em consideração os dados epidemiológicos e as recomendações da Organização Mundial de Saúde (OMS).

A vacina é contra indicada para pessoas que têm alergia grave a ovo de galinha e a seus derivados, bem como para aquelas que apresentaram reações anafiláticas graves a doses anteriores. “A contraindicação é válida somente nos casos de alergia grave. Ou seja, são aquelas pessoas que não podem comer sequer alimentos feitos que levem ovo”, explica Tânia.

Além disso, pessoas que estiverem com doenças agudas febris moderadas ou graves devem adiar a vacinação até o desaparecimento dos sintomas.

Doença

Os sintomas da Influenza Sazonal e da H1N1 costumam ser parecidos, sendo  que as duas são caracterizadas por febre repentina, tosse, dor de cabeça, dores musculares e nas articulações e coriza (nariz escorrendo). Elas, no entanto, são causadas por diferentes subtipos do vírus Influenza.

A Influenza ou Gripe A (H1N1) é uma doença respiratória aguda, altamente contagiosa de pessoa para pessoa, causada por um novo subtipo do vírus Influenza, que teve origem na recombinação genética do vírus de origem suína, humana e provavelmente aviária.

Fonte: http://www.agenciaminas.mg.gov.br/noticias/vacinacao-contra-a-influenza-comeca-dia-5-de-maio-em-todo-o-estado/

Anúncios

Governo de Minas: Secretaria de Saúde inaugura pronto atendimento em Carandaí

Unidade proverá atendimentos de urgência e emergência, atendendo toda microrregião de Barbacena

Henrique Chendes
Secretário Antônio Jorge de Souza Marques (à direita) descerra placa de inauguração do pronto atendimento
Secretário Antônio Jorge de Souza Marques (à direita) descerra placa de inauguração do pronto atendimento

O Governo de Minas, por meio da Secretaria de Estado de Saúde (SES-MG), inaugurou, em Carandaí, no Leste do Estado, o Pronto Atendimento Municipal – Prefeito Benjamim Teixeira de Carvalho. A unidade, fruto da parceria do Estado com o município, integra a rede de resposta hospitalar da macrorregião Centro-Sul e proverá atendimentos de urgência e emergência atendendo toda microrregião de Barbacena. Foram aplicados R$ 405 mil por meio de convênio e, em contrapartida, o município destinou R$ 300 mil à obra.

O secretário de Estado de Saúde, Antônio Jorge de Souza Marques, destacou a importância desta obra, que visa respeitar o usuário no ambiente da saúde. “É importante que tenhamos a ousadia de fazer bem feito, estamos trabalhando para que o cidadão seja atendido num espaço adequado e humanizado”, acrescenta.

A secretária municipal de Saúde, Silvana Suzi Simões, destacou a melhoria da qualidade na prestação dos serviços no SUS aos usuários que necessitam de atendimento de urgência e emergência. “Esta é também mais uma iniciativa que colabora para o fortalecimento da atenção à saúde em nossa região. As novas instalações e os equipamentos adquiridos serão fundamentais para que possamos integrar, com êxito, a rede de resposta hospitalar, que dará apoio ao serviço prestado pelo Samu da região Centro-Sul, inaugurado recentemente, beneficiando não apenas nossa cidade, mas também todos os municípios que compõem a microrregião de saúde de Barbacena”, afirma.

Rede Urgência e Emergência

No início de março, foi inaugurado o Complexo Regulador da Rede Urgência e Emergência da Macrorregião Centro-Sul, com investimentos iniciais do Tesouro Estadual da ordem de R$ 6,9 milhões, beneficiando cerca de 730 mil habitantes de 50 municípios.

De acordo com Antônio Jorge, o Governo de Minas vem preparando parte de um projeto, que é um dos mais ousados do país. “Esta não é uma obra isolada. Ela faz parte de um complexo de melhorias hospitalares da atenção primária, dos prontos atendimentos de toda a macrorregião, que teve sua expansão com o Samu”, afirma.

Fonte: Agência Minas

Governo de Minas vai instalar centros de capacitação em Apaes de 34 municípios do Grande Norte

Trinta e quatro municípios da região do Grande Norte serão contemplados com centros tecnológicos de capacitação nas Apaes

Trinta e quatro municípios da região do Grande Norte – vales do Jequitinhonha, Mucuri e Norte de Minas estão entre 148 cidades mineiras que, neste ano, serão contempladas com a instalação de centros tecnológicos de capacitação nas Associações de Pais e Amigos dos Excepcionais (Apaes). O projeto é resultado de parceria estabelecida entre o Governo de Minas com a Federação Nacional das Apaes (Fenapaes) e a Federação das Apaes do Estado de Minas Gerais. Os investimentos somam R$ 5,4 milhões divididos entre os governos Estadual e Federal, por meio de emenda inserida no orçamento da União pelo deputado federal, Eduardo Barbosa que também é presidente da Fenapaes.

De acordo com o censo de 2010 o Brasil possui 45 milhões de pessoas com deficiência, o que representa 24% da população total. Diante desse cenário, o Governo de Minas tem atuado diretamente em políticas que possibilitem a inclusão social. Para isso, a Secretaria de Estado de Ciência, Tecnologia e Ensino Superior (Sectes) iniciou no ano passado a implantação dos centros tecnológicos de capacitação nas Apaes e do Centro de Tecnologias Assistivas da Rede Apae, em Pará de Minas, região Centro-Oeste do Estado.

Os centros tecnológicos de capacitação vão facilitar o acesso de cada  Apae à internet e às redes sociais, criando uma rede tecnológica de integração das unidades. A iniciativa envolve a formação de centros de inclusão social e oficinas de capacitação profissional que serão instalados em 148 municípios mineiros.

Cada centro de inclusão social terá cinco computadores adaptados com aparelhos que possibilitam atender diferentes tipos de deficiência. Já as oficinas de capacitação profissional serão inseridas em 93 municípios, sendo 54 relacionadas à culinária e 49 à produção de picolé.  O objetivo é melhorar a qualificação da mão de obra de pessoas com deficiência, possibilitando melhores oportunidades no mercado de trabalho.

Para o secretário de Estado de Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, Narcio Rodrigues, “a ação evidencia como a ciência e tecnologia podem se converter em espaço para construção da cidadania e se constituírem em instrumento para valorização do ser humano”.

Municípios

Na região do Grande Norte os municípios que serão contemplados com a instalação de centros tecnológicos de capacitação nas Apaes são: Águas Formosas, Araçuaí, Bonfinópolis de Minas, Brasilândia, Brasília de Minas, Corinto, Crisólita, Diamantina, Espinosa, Felixlândia, Gouveia, Jaíba, Jequitinhonha, Malacacheta, Mato Verde, Montalvânia, Montes Claros, Porteirinha, Poté, Riachinho, Rio Pardo de Minas, Salinas, Buritis, Carbonita, Carlos Chagas, Ibiaí, Itacarambi, Itamarandiba, Padre Paraíso, Paracatu, Pedra Azul, São João do Paraíso, Serro e Taiobeiras.

Ineditismo

Além dos centros tecnológicos, no ano passado o Governo de Minas criou um projeto pioneiro no Brasil, o Centro de Tecnologias Assistivas da Rede Apae. O empreendimento será instalado no município de Pará de Minas e terá uma Incubadora de Tecnologia Assistiva e um Núcleo de Qualificação Profissional. Os investimentos são da ordem de R$ 650 mil.

A Incubadora de Tecnologia Assistiva terá um espaço físico destinado ao apoio e orientação para o desenvolvimento de empresas de tecnologias focadas no desenvolvimento de produtos e serviços que contribuam para proporcionar ou ampliar habilidades funcionais de pessoas com deficiência e, consequentemente, promover sua qualidade de vida e inclusão. Além de espaço físico, a incubadora vai disponibilizar apoio gerencial e consultorias especializadas para as empresas incubadas.

O Núcleo de Qualificação Profissional implementará projetos de capacitação de profissionais, professores, pais, amigos e quaisquer pessoas que cuidam e convivam com portadores de deficiências e com idosos. A expectativa é de que nesse Centro sejam capacitados 4,5 mil profissionais da área de saúde e 5,5 mil da área de educação que irão atender 415 Apaes responsáveis por cerca de 40 mil pessoas com deficiência.O plano é uma iniciativa do Governo de Minas, por meio da Sectes, Prefeitura de Pará de Minas  e Instituto Nacional de Telecomunicações (Inatel).

Essa é a primeira vez que o Inatel abre uma frente de atuação para empreender tecnologia que atenda a um projeto de pesquisa, formação e incubação de empresas. “Nós provocamos o Inatel para que saísse de Santa Rita do Sapucaí e fosse a Pará de Minas abrigar o Centro de Tecnologias Assistivas”, ressalta o secretário Narcio Rodrigues. Ele revela que o Governo de Minas está buscando atrair empresas de tecnologia assistiva para o estado. Além disso, a criação dos centros poderão integrar as ações das Apaes e possibilitar a qualificação das pessoas assistidas.

Fonte: Agência Minas

Governador de Minas diz que é uma responsabilidade “muito grande” suceder tucano Aécio Neves

O governador de Minas Gerais, Antonio Anastasia (PSDB), 49, afirmou que é “muito grande” a responsabilidade de ser a vitrine do eventual projeto presidencial de seu antecessor e padrinho político, o senador eleito Aécio Neves (PSDB).

Anastasia disse ontem em entrevista à Folha que vai trabalhar “à exaustão” para manter o governo mineiro bem avaliado. Sobre a disputa entre tucanos paulistas e mineiros, disse que o PSDB “não tem dono”.

De olho na verba federal no Estado, Anastasia disse que espera ter uma relação “amistosa” com a presidente Dilma Rousseff, com quem disse ter semelhanças.

Vitrine de Aécio
A responsabilidade é muito grande. O [ex-]governador Aécio terminou o mandato com aprovação olímpica. […] Vou trabalhar à exaustão para que as coisas continuem melhorando e o governo continue bem avaliado.

Refundação do PSDB
Precisamos desmistificar algumas coisas. A palavra privatização é uma delas. É preciso demonstrar aos brasileiros que esse processo de parcerias com o setor privado é responsável por milhões de empregos e pelo desenvolvimento do Brasil. […] Muitas vezes esse discurso não chega ao cidadão mais simples. Então precisamos modificar o discurso, fazer uma ação mais assertiva no Nordeste.

Rixa MG X SP
Um partido que se pretende nacional não pode ter dono. Do contrário, ele não é um partido nacional, não reflete anseios nacionais.

Aécio e 2014
Ele terá um papel de grande liderança [no PSDB]. A definição de um candidato três anos antes da eleição é um tanto precoce. As circunstâncias mudam com rapidez. […] Eu defendo Aécio como eleitor mineiro. Ele tem todas as condições de ser candidato, de ser eleito e de ser um grande presidente.

Relação com Dilma
Pretendo ter uma relação muito amistosa, federativa, republicana. Será um tratamento de respeito, até porque ela é de Minas e naturalmente esperamos que ela vai ter por seu Estado sempre uma consideração especial.

Semelhança com Dilma
É uma questão objetiva. Existem trajetórias que são parecidas. É claro que o tipo de conhecimento, de experiência na administração pública, eu acho que é muito semelhante. E essa identidade não nos denigre, ao contrário, ela até nos enobrece.

É claro que nós temos, talvez por formação, pelo tipo de vida que tivemos, alguns princípios e valores que não são os mesmos.

Fonte:  Folha de S.Paulo

Aécio Neves e Antonio Anastasia os brasileiros mais influentes de 2010

ÉPOCA 100 – Os brasileiros mais influentes de 2010 – Aécio Neves

Fonte: Revista Época

Líderes, construtores, heróis e artistas: confira quem, do país, exerce mais influência

Qualquer um que queira entender as transformações por que o Brasil vem passando deve olhar com cuidado para a lista que publicamos nas próximas páginas. Nelas estão 100 pessoas que se destacaram pelo exercício do poder, pela construção de um projeto, pela inspiração, pelo talento. Por meio de seus perfis, é possível entender melhor os caminhos, as apostas, os desafios do país.

Este é o quarto ano em que publicamos a lista – e produzi-la é uma tarefa árdua. O trabalho envolveu praticamente toda a redação de ÉPOCA, com a valiosa colaboração de milhares de leitores (que fizeram suas indicações pelo site) e de especialistas nas diversas áreas. Para escrever os perfis, convidamos 99 personalidades (um dos textos é sobre um casal) que tivessem afinidade com o homenageado ou com a área. São a garantia de fornecer a você, leitor, um olhar privilegiado, diverso, atual sobre nossa realidade.

Líderes
Quem são os líderes mais influentes de 2010
As 100 pessoas que se destacaram em 2010 pelo exercício do poder, pela construção de um projeto, pela inspiração, pelo talento, foram classificadas em quatro grupos: líderes, construtores, heróis e artistas. Por meio de seus perfis, é possível entender melhor os caminhos, as apostas, os desafios do país.

Aécio Neves

O grande vencedor da oposição elegeu o sucessor em Minas e terá no Senado uma poderosa tribuna nacional

Admiro o senador Aécio Neves por sua liderança, capacidade administrativa, habilidade política e sensibilidade, que é muito forte. É um político extremamente carismático. Eu o acompanhei durante estes oito anos, como secretário de Estado e depois como vice-governador, e mais intensamente agora, nacampanha eleitoral de 2010 em Minas Gerais.

Percorremos juntos todo o Estado por duas vezes, neste ano. A primeira, no primeiro turno, na campanha que resultaria em minha eleição para o governo do Estado e na de Itamar Franco e do próprio Aécio para o Senado. Depois, no segundo turno, com o candidato à Presidência José Serra. Nós percebemos no governador Aécio, na relação que tem com as pessoas, uma força extraordinária: é naturalmente uma pessoa bem-humorada, de bem com a vida. É muito bom conviver com ele. É um líder único, pois conjuga capacidade de gestão e habilidade política, sempre atento às necessidades da população e das pessoas mais carentes.

Por Antonio Anastasia – Governador eleito (PSDB) de Minas Gerais


ÉPOCA 100 – Os brasileiros mais influentes de 2010 – Antonio Anastasia

O mago da gestão pública de Minas Gerais triunfa nas urnas e alça voo na política

Uma semana após a eleição de Aécio Neves para seu primeiro mandato de governador, em 2001, recebemos, eu e o professor José Godoy, a visita do professor Antonio Anastasia. Ele chegou lá pelas 5 horas da tarde e ficamos conversando até as 9 da noite. Ali, juntos, traçamos o que poderia ser feito de nossa parte para ajudar a resolver o problema de 12% de déficit do Estado de Minas Gerais. Combinamos também como participaríamos da transição.

Sob a liderança de Anastasia, então secretário de Planejamento e Gestão, trabalhamos duro, enfrentando muitas dificuldades. Um ano e meio depois, ogovernador Aécio Neves nos convidou e aos empresários patrocinadores para um almoço no Palácio das Mangabeiras quando, de surpresa, anunciou o tão almejado equilíbrio fiscal. Foi uma festa! Mal sabíamos nós que se iniciava naquela hora um movimento muito positivo no Brasil de engajamento dos políticos na linha da gestão, pelo exemplo de Minas Gerais.

Nós, brasileiros, devemos isso ao governo do Aécio Nevese em particular ao trabalho firme, entusiasmante e dedicado de nosso amigo Antonio Anastasia.

Por Vicente Falconi – Professor, consultor de grandes grupos empresariais brasileiros e orientador técnico do Instituto de Desenvolvimento Gerencial (INDG)

 

Reta final: Pesquisa do Estado de Minas mostra que Antonio Anastasia tem 12 pontos de diferença para Hélio Costa

EM Data: vantagem de Anastasia sobe para 12 pontos

Fonte: Isabella Souto e Juliana Cipriani – Estado de Minas

Anastasia amplia vantagem e pode vencer amanhã

Tucano tem 43% da preferência do eleitorado mineiro, 12 pontos percentuais à frente de Hélio Costa, e 55% do total de votos válidos, segundo pesquisa do Instituto EM Data

A dois dias das eleições, o governador Antonio Anastasia (PSDB) ampliou a vantagem em relação ao principal adversário, o senador Hélio Costa (PMDB), e pode ser reeleito amanhã em primeiro turno. Na corrida pelo Palácio da Liberdade, o tucano tem 43% das intenções de voto dos mineiros, 12 pontos percentuais à frente do peemedebista, preferido por 31% dos eleitores. O número de indecisos ou de quem não vai votar em nenhum dos oito candidatos a governador chega a 22% dos entrevistados. Os dados fazem parte da terceira rodada da pesquisa do Instituto EM Data, realizada entre 29 de setembro e ontem com 1,1 mil eleitores de 51 municípios de Minas Gerais.

De acordo com o levantamento, o governador Anastasia passou de 32% em pesquisa feita no fim de agosto para 40% das intenções de voto entre 19 e 21 de setembro, chegando a 43% agora. Já Hélio Costa, preferido por 33% do eleitorado na última rodada do levantamento, registrou oscilação negativa de dois pontos percentuais. A margem de erro é de três pontos percentuais para mais ou para menos. Todos os demais candidatos somaram apenas 3% das intenções de voto. Os únicos que pontuaram foram o deputado federal José Fernando Aparecido Oliveira (PV) e o professor Luiz Carlos (PSOL), apontados por 2% e 1%, respectivamente.

Na análise apenas dos votos válidos – excluídos os brancos e nulos -, Anastasia aparece com 55% das intenções de voto e Hélio Costa com 40%. Os demais candidatos somam 6% – o que garantiria a vitória do tucano já amanhã. Para haver um segundo turno é necessário que a soma dos votos de todos os adversários seja um número superior ao do primeiro colocado. Ainda assim o EM Data fez uma simulação de segundo turno, quando mais uma vez Anastasia assume a dianteira: recebeu 47% das citações contra 34% do candidato do PMDB.

“A pesquisa confirma a tendência de crescimento de Anastasia, que já tem uma frente mais confortável de votos sobre Hélio Costa. Então, há um indicativo de que ele deve ganhar em primeiro turno”, disse o diretor do Instituto EM Data, Adriano Cerqueira. Segundo ele, mesmo com a margem de erro, Anastasia teria no mínimo 52% dos votos válidos, o suficiente para terminar as eleições amanhã. O único risco para um segundo turno em Minas seria um aumento nas abstenções – pessoas que não vão votar.

REGIÕES
O levantamento mostra ainda que o governador Anastasia tem a preferência do eleitorado em cinco das seis mesorregiões de Minas Gerais. O maior percentual de intenções de voto atingido pelo tucano foi na Região Central e no Campo das Vertentes, onde obteve 52% das preferências, seguido do Norte e Jequitinhonha com 51%. Já Hélio Costa assume a liderança na corrida pelo governo estadual apenas no Triângulo Mineiro, onde obteve 42% das citações dos entrevistados, sete pontos percentuais à frente de Anastasia. A pior votação do peemedebista é na Zona da Mata, onde recebeu o voto de 25% dos eleitores que responderam ao questionário.

Levando-se em conta a faixa etária, Anastasia lidera em todas elas, com destaque para os jovens entre 16 e 24 anos: 52% deles pretendem votar pela reeleição do atual governador, enquanto 31% devem digitar o número de Hélio Costa. O maior percentual de preferência pelo peemedebista corresponde à faixa de eleitores entre 35 e 44 anos: 37%. O tucano lidera ainda em todas as faixas de renda, com destaque para 50% daqueles que disseram ganhar entre 5 e 10 salários mínimos. Faixa que destina o menor percentual de votos para Hélio Costa, 28%. Outros 17% desse grupo de renda estão indecisos ou vão votar nulo e 5% preferem os outros candidatos.

Anastasia agradece e homenageia mineiros no último programa eleitoral

Fonte: Coligação “Somos Minas Gerias”

Ao longo de 19 programas, o governador apresentou as propostas que permitirão a continuidade dos avanços obtidos em Minas nos últimos oito anos

O governador Antonio Anastasia, candidato à reeleição pela coligação “Somos Minas Gerais”, encerrou nesta quarta-feira (29/09) sua participação na propaganda eleitoral gratuita, veiculada em rádio e TV, neste primeiro turno das eleições. Emocionado, Antonio Anastasia agradeceu a cada um dos mineiros que acompanharam a apresentação e o debate de ideias. O governador agradeceu também aos mineiros que, nas viagens realizadas às diversas regiões do Estado, participaram espontaneamente, demonstrando o reconhecimento pelas realizações do Governo de Minas nos últimos oito anos, confiantes de que o novo Plano de Governo permitirá avanços ainda maiores nas políticas públicas.

“Meu agradecimento mais especial a você que acompanhou as nossas propostas, que esteve conosco em algumas das caminhadas que fizemos por todo o nosso Estado. Agradeço a você, manifestando a minha felicidade de ser, também mineiro, porque encontrei em cada abraço, em cada estímulo a beleza e a grandeza da alma de Minas. É por tudo isso que coloco o meu nome, a minha história, meu coração à disposição dos mineiros. Obrigado, meus amigos. Obrigado, minhas amigas. Espero continuar merecendo a sua confiança para trabalhar nos próximos quatro anos com a mesma lealdade com que trabalhei em toda a minha vida”, afirmou o governador no programa eleitoral.

Antonio Anastasia fez uma homenagem especial a todos os mineiros que conheceu durante as gravações dos programas eleitorais, em várias regiões do Estado. É o caso de um casal de idosos de Itutinga que recebe remédios pelo programa Farmácia de Minas e de dois jovens de Uberlândia que participam do programa Fica Vivo!, de controle de homicídios. Essas pessoas ilustraram alguns programas que mostraram resultados positivos da política social iniciada pelo governador Aécio Neves, em 2003.

O governador ainda agradeceu aos artistas mineiros que, espontaneamente, gravaram o jingle “Somos Minas Gerais” e que garantiram à música “a dimensão de um hino em defesa da integridade, da ética e do nosso sonho chamado Minas”.

Ao final, o governador agradeceu também ao ex-presidente Itamar Franco e ao ex-governador Aécio Neves, que deram apoio incondicional ao seu nome, como o melhor candidato para conduzir o futuro de Minas Gerais.

“Fico-me honrado com a indicação e se esta for a vontade dos mineiros, não medirei esforços para corresponder a todas a expectativa que vem sendo depositada no meu nome. É por tudo isso que coloco o meu nome, a minha história, meu coração à disposição dos mineiros. Espero continuar merecendo a sua confiança para trabalhar nos próximos quatro anos com a mesma lealdade com que trabalhei em toda a minha vida. Por Minas, pelo Brasil. Que Deus nos ilumine”, concluiu o governador.

Aécio Neves
O ex-governador Aécio Neves, candidato ao Senado Federal pela Coligação “Somos Minas Gerais” e responsável por apresentar a todos os mineiros a candidatura de Antonio Anastasia, manifestou também no último programa eleitoral do governador a satisfação de ver nos eleitores mineiros o reconhecimento a Antonio Anastasia, como o candidato mais bem preparado para governar Minas Gerais.

“São milhões de mineiros que estão dando a sua resposta. Porque Antonio Anastasia é preparado, é digno, se interessa de verdade pelos problemas das pessoas. Porque ele representa a melhor tradição da política mineira: honestidade de princípios e lealdade à nossa gente”, disse Aécio Neves.

A participação de Antonio Anastasia no programa eleitoral gratuito teve início no dia 18 de agosto com a apresentação aos eleitores mineiros das propostas que permitirão dar continuidade aos avanços vividos em Minas Gerais. Em 19 programas, veiculados três vezes por semana, em blocos nas emissoras de rádio e TVs, o governador Antonio Anastasia levou aos mineiros as suas ideias, sua história de vida e mostrou o trabalho realizado nos últimos oito anos ao lado de Aécio Neves e que culminou na administração mais bem avaliada em todo o país.

Na propaganda eleitoral gratuita, o governador destacou os principais programas que fazem parte do seu Plano de Governo para os próximos quatro anos. O principal objetivo é ampliar as ações de governo em todas as regiões do Estado. Mais do que apresentar os novos projetos, no entanto, o governador afirmou nesta quarta-feira que a maior contribuição do programa eleitoral gratuito foi encontrar “em cada abraço, em cada estímulo a beleza e a grandeza da alma de Minas”.

Tom Cavalcante rebate Hélio Costa: “Se fazer humor no Brasil é uma ameaça às candidaturas, tenho um sentimento que existe algo de errado no ar”, disse

Vídeo de Costa é ‘liberdade de expressão’, diz humorista

Fonte: Eduardo Kattah – Estado de S. Paulo

EDUARDO KATTAH – Agência Estado

O humorista Tom Cavalcante alegou hoje que o vídeo que circula na internet e no qual satiriza o candidato peemedebista ao governo de Minas Gerais, Hélio Costa, faz parte da “liberdade de expressão legitimada pelo Supremo”. Cavalcante admitiu que tem “forte ligação e crença” na política praticada pelo ex-governador Aécio Neves (PSDB), de quem é amigo.

A coordenação da candidatura de Costa atribuiu à campanha do tucano Antonio Anastasia a responsabilidade pelo vídeo. A campanha do governador e candidato à reeleição negou qualquer vinculação com a sátira, na qual o humorista aparece caracterizado como o candidato do PMDB e ironiza a estratégia da chapa que tem como vice o ex-ministro Patrus Ananias (PT). No vídeo, o humorista se apresenta como “Discosta” e se refere a Patrus como “Patrás”.

“Se fazer humor no Brasil é uma ameaça às candidaturas, tenho um sentimento que existe algo de errado no ar. Humor não modifica voto verdadeiro. O candidato o terá sempre de quem acredita no seu projeto. Humor faz rir. Devagarinho vamos avançando e saindo do primarismo”, disse.

“Tenho uma forte ligação e crença pela política praticada por Aécio, além de sermos amigos”, também declarou Cavalcante, em manifestação distribuída por sua assessoria. “Faço humor político há muitos anos imitando nossos políticos FHC (Fernando Henrique Cardoso), Lula, (José) Sarney, (Fernando) Collor, Itamar (Franco), Aécio e agora Hélio.”

Ao participar de uma carreata em Contagem, Aécio defendeu o vídeo do humorista, que classificou como uma “manifestação artística, engraçada”. “Quando a coisa é feita respeitosamente e com assinatura, é parte da democracia. O que deve ser condenado veementemente é a utilização de documentos apócrifos, da internet para calúnias e mentiras, sem que se tenha coragem de assumi-las. Fizemos a campanha limpa, a campanha correta”, afirmou.

Link da matéria: http://www.estadao.com.br/noticias/nacional,video-de-costa-e-liberdade-de-expressao-diz-humorista,618499,0.htm

Anastasia agradece universitários por empenho e apoio na luta pela reeleição

Anastasia agradece universitários por empenho dedicado à sua reeleição

Fonte: Coligação “Somos Minas Gerais”

Anastasia se reuniu com universitários e agradeceu empenho em sua campanha pela reeleição

O governador Antonio Anastasia, candidato à reeleição, participou, na manhã desta sexta-feira (01/19), de encontro com 100 universitários de Belo Horizonte e de várias cidades mineiras. Anastasia foi recebido no Comitê de Universitários da coligação “Somos Minas Gerais” com muita alegria pelos estudantes, que demonstraram apoio à sua candidatura à reeleição ao Governo do Estado.

“É muito bom receber essa carga de energia positiva, de ânimo que vocês têm, porque não há função mais bela do que a de professor. Por isso, eu fico muito honrado de ser chamado de professor, que é aquilo que está dentro de mim, que é a minha profissão. Fico muito animado, porque com os jovens nós aprendemos e nos renovamos permanentemente. Ao mesmo tempo que a gente transmite conhecimento, a gente adquire conhecimento e nessa troca tão positiva, temos sempre a evolução”, salientou  o governador.

Assim que Anastasia chegou, os universitários disseram o grito de guerra: “45! Eleito!”. Para o estudante de Gastronomia, Jaques Lamego, Anastasia representa a alegria e juventude, o sentimento e o jeito de tratar bem o próximo. Ele respeita e escuta os jovens”, destacou.

Durante o encontro, Antonio Anastasia comentou que há dois meses e meio ele era desconhecido, mas a sua candidatura foi crescendo a cada dia. “Não crescemos nas pesquisas em um passe de mágica. Para que isso acontecesse, foi preciso muito esforço, muito trabalho, muita dedicação, muito suor, muita poeira e muito asfalto. Estávamos, estamos e ficaremos sempre ao lado da verdade.”, destacou.

O candidato aproveitou o encontro com os universitários para agradecer o esforço dos jovens. “Vocês são parte fundamental do nosso crescimento. Só posso agradecer muito. Faltando 48 horas paras as eleições, gostaria de pedir o empenho máximo. Vocês fizeram a diferença nessas eleições. Muito obrigado e vamos trabalhar por Minas”, disse.

O Comitê dos Universitários foi formado por 500 estudantes mineiros que fazem atividades de mobilização, principalmente, nos sinais de trânsito, carreatas e bandeiraços por todo o Estado.  Para Raquel Fonseca, Anastasia representa a continuidade do Aécio. Ele destacou a sua competência e seriedade. “Os projetos políticos são consistentes. Para Minas continuar avançando, não poderia ser diferente. Meu voto é para Anastasia”, disse.

Já o estudante Daniel Leite, comentou que o candidato Antonio Anastasia é o mais preparado e o candidato que tem a ficha mais  limpa. “Ele é a cara de Minas Gerais e vai levar nosso estado cada vez mais para frente”, finalizou.

Caminhada pela Vitória de Anastasia, Aécio e Itamar reúne 6 mil no Centro de Belo Horizonte

Caminhada pela Vitória de Anastasia, Aécio e Itamar reúne 6 mil no Centro de Belo Horizonte

Fonte: Coligação “Somos Minas Gerais”

Milhares de balões, bandeiras de Minas Gerais e chuva de papel picado emocionou quem passou pela avenida Afonso Pena para levar o apoio à reeleição de Anastasia

A Caminhada pela Vitória em Minas, como foi batizado o último evento de campanha à reeleição do governador Antonio Anastasia no Centro de Belo Horizonte, atraiu cerca de 6 mil pessoas, nesta sexta-feira (01/10), à avenida Afonso Pena. O ato, que contou com a participação do ex-presidente Itamar Franco e do ex-governador Aécio Neves, ambos candidatos ao Senado Federal, começou na Praça Rio Branco (Praça da Rodoviária) e se encerrou na Praça Sete, onde os três candidatos iniciaram a campanha em Belo Horizonte, em 7 de julho passado. A caminhada coloriu o Centro de BH com milhares de balões e bandeiras do Estado de Minas Gerais e dos 12 partidos da coligação “Somos Minas Gerais”. Uma chuva de papel picado também deu charme ao evento.

Ovacionado pela multidão e visivelmente emocionado com o apoio popular, o governador Anastasia retribuiu o carinho reforçando o compromisso de, reeleito, continuar trabalhando com dedicação para que Minas continue registrando grandes avanços nas áreas social e econômica. Ele avaliou que o sucesso do ato é o reflexo de sua boa gestão à frente do governo e da seriedade de sua campanha à reeleição, baseada no compromisso de propostas reais e sérias.

“Uma campanha baseada na verdade, exclusivamente na verdade, com propostas reais, possíveis e no reconhecimento das pessoas. O crescimento nas pesquisas (de intenção de voto), que aconteceu de maneira extraordinária, em toda Minas, reflete isso. Exatamente esse reconhecimento e essas propostas, que foram muito boas. Agradeço a todos pelo grande esforço que estamos realizando e vamos com muita humildade para a eleição, com muito ânimo e muita determinação”, disse o governador, em entrevista à imprensa, enquanto a multidão cantarolava os jingles da campanha, assinados pelos compositores Murilo Antunes, Márcio Borges e Maurício Gaetani.

Compromisso com os mineiros
Antonio Anastasia aproveitou a presença da multidão, formada por donas de casa, estudantes, artistas, empresários de vários setores e políticos de diferentes partidos, para pedir ao eleitor indeciso um voto de confiança no próximo domingo. O compromisso do governador é manter Minas no caminho dos avanços na educação, saúde, segurança pública, infraestrutura, geração de emprego de qualidade, entre outros segmentos.

“Estamos extremamente otimistas e, claro, levando também aos indecisos a nossa palavra, as nossas propostas, as nossas ideias, da campanha de alto nível que fizemos. Portanto, estamos satisfeitos e confiantes na vitória no próximo domingo. Vamos mostrar aos indecisos as vantagens das nossas propostas, que somos candidatos, que estamos mais firmes, com mais disposição, com as melhores condições para dar continuidade àquilo que Aécio Neves realizou em Minas nos últimos anos”, afirmou o governador.

Lado a lado com lideranças sérias
A caminhada mostrou, ainda, as importantes lideranças políticas que apoiam a candidatura de Anastasia. Além de Aécio Neves e de Itamar Franco, o ato foi prestigiado pelo prefeito de Belo Horizonte, Marcio Lacerda, e pelo ex-presidente da Central Única dos Trabalhadores (CUT/MG) e ex-embaixador do Brasil em Cuba, Tilden Santiago, entre outros. A seriedade de Tilden e sua luta histórica pelas causas sociais, levaram Aécio Neves a convidá-lo para ser um dos dois suplentes em sua chapa ao Senado. O outro é o deputado Elmiro Nascimento, ex-prefeito de Patos de Minas (Alto Paranaíba).

O time de lideranças políticas que caminha ao lado do governador o ajudou a carregar, durante a Caminhada pela Vitória em Minas, uma enorme bandeira com o seu nome. Mas cidadãos comuns também fizeram questão de caminhar ao lado dos candidatos, como a dona de casa Conceição Trindade, de 58 anos. Ela deixou os afazeres de casa, no bairro Pompéia, na Região Leste da capital, para participar da caminhada no centro de Belo Horizonte.

“É certo que Antonio Anastasia dará continuidade ao que o governador Aécio Neves fez. Por isso, Anastasia é o melhor nome para governar Minas”, considerou a dona de casa, enquanto exibia, orgulhosa, um balão com o número 45.

A pensionista Maria Gerladina Ribeiro Silva, de 56, moradora do bairro Vitória, em Belo Horizonte, também é eleitora do governador. Ela justifica o motivo: “Ele tem a melhor proposta para Minas Gerais. Além disso, conta com vários nomes bons ao seu lado, como Aécio Neves e Itamar Franco”, finalizou.