Governo Anastasia: secretaria de Estado de Saúde libera parcela de R$ 1 milhão para Contagem

Os recursos visam à construção do Centro Materno Infantil no município

O município de Contagem, na Região Metropolitana de Belo Horizonte (RMBH), recebeu a terceira parcela de R$ 1 milhão, visando à construção do Centro Materno Infantil. O convênio firmado entre o Governo de Minas e a prefeitura totaliza R$ 10 milhões, oriundos do Tesouro Estadual. A unidade também terá investimentos do município, com contrapartida de R$ 2,8 milhões, e do Ministério da Saúde, com repasse de R$ 9 milhões, totalizando mais de R$ 21 milhões.

De acordo com o secretário de Estado de Saúde, Antônio Jorge de Souza Marques, a maternidade tem como objetivo reforçar as ações de assistência à saúde da mulher e da criança, e vai oferecer mais conforto e atendimento humanizado. “Com esta construção iremos ampliar a cobertura dos partos atendidos pelo SUS dentro do município, que passará de 35% para 100%. Serão 550 partos por mês. Temos a convicção que teremos um belo desempenho”, afirmou.

A nova Unidade, que funcionará dentro do mesmo terreno onde está localizado o Hospital Municipal e Maternidade de Contagem, contará com 30 leitos de UTI neonatal, dez leitos de enfermaria mãe-canguru, dez leitos de UTI pediátrica, 34 leitos de enfermaria pediátrica, 62 leitos de internação em alojamento conjunto e ginecologia, além de um pronto-socorro 24 horas, com dez leitos de observação e um centro obstetrício totalmente equipado com seis apartamentos e quatro salas de parto cirúrgico.

Para as mães que desejam acompanhar mais de perto a internação de seus filhos na UTI neonatal, a maternidade ainda contará com uma casa que servirá de alojamento. Serão 32 vagas, com espaço de convivência para a troca de experiências.

Sobre a parceria que viabilizou a implantação do centro, Antônio Jorge afirma que há grande otimismo, visto que há alinhamento das políticas públicas entre Ministério, Governo de Minas e municípios no setor de saúde. “Em Minas, temos experiências exitosas na construção das redes de atenção. Um bom exemplo é a Rede de Urgência e Emergência Macro Norte. Nesta rede, os resultados têm se mostrado impactantes. São cerca de menos duas mil mortes/ano desde a implantação da rede”, finalizou Antônio Jorge.

Fonte: http://www.agenciaminas.mg.gov.br/noticias/secretaria-de-estado-de-saude-libera-parcela-de-r-1-milhao-para-contagem/

Gestão Eficiente: Anastasia inaugura obras de infraestrutura e anuncia construção do Hospital Regional do Mucuri

Em visita a Teófilo Otoni, governador entregou prédio do Complexo de Urgência e Emergência, barragem, Estação de Tratamento de Esgoto e novo posto do Sine

Wellington Pedro/Imprensa MG
Antonio Anastasia apresenta maquete do Hospital Regional do Vale do Mucuri
Antonio Anastasia apresenta maquete do Hospital Regional do Vale do Mucuri

O Governador Antonio Anastasia anunciou, neste sábado (14), em visita a Teófilo Otoni, a construção do Hospital Regional do Vale do Mucuri. Com investimentos de R$ 100 milhões para a construção e compra de equipamentos, o hospital deve ser concluído em até três anos. A doação do terreno onde o hospital será construído, na Avenida Alfredo Sá, foi formalizada durante a visita do governador. O termo de compromisso foi assinado pelos empresários Luiz Fernando Rodrigues da Silva e Geraldo Hélbio de Miranda e pelo deputado Neilando Pimenta.

“Agradeço as famílias pela doação do terreno, que é de suma importância para a construção do novo Hospital Regional do Mucuri, reivindicação antiga da região. A obra vai ser realizada entre dois e três anos, com um custo de R$ 100 milhões”, disse o governador, durante entrevista coletiva.

Em Teófilo Otoni, Antonio Anastasia também inaugurou o Complexo de Urgência e Emergência da região, o posto do Sine/Diretoria Regional do Trabalho, a barragem Aécio Ferreira da Cunha e uma Estação de Tratamento de Esgoto (ETE). Neste conjunto de obras o Governo de Minas investiu R$ 100 milhões, gerando 420 empregos diretos e beneficiando 1,2 milhão de pessoas.

“Estamos resgatando compromissos históricos do passado com a população de Teófilo Otoni e do Mucuri e que agora se concretizam. Fico muito feliz em poder inaugurar essas obras aqui”, disse Anastasia.

Urgência e emergência

O Complexo de Urgência e Emergência marca a implantação da Rede Macrorregional de Atenção às Urgências e Emergências do Nordeste do Estado e do Vale do Jequitinhonha. Com sede em Teófilo Otoni, a Rede atenderá a população de 86 municípios, estimada em 1,2 milhão de pessoas.

Nas Redes de Atenção às Urgências e Emergências, as unidades do Serviço de Atendimento Móvel de Saúde (Samu) atuam integradas a um Complexo Regulador, que controla o fluxo do serviço. Isso quer dizer que a ambulância do Samu, ao resgatar o paciente, saberá imediatamente qual o hospital mais próximo  que tem leito disponível e está em condições de fazer o atendimento adequado. A macrorregião receberá 26 ambulâncias do Samu, doadas pelo Ministério da Saúde.

Mais saúde

Com a entrega da Estação de Tratamento de Esgoto (ETE) de Teófilo Otoni, o Governo de Minas resolve um problema ambiental e garante mais saúde à população. A obra foi construída com recursos da Copasa que somam R$ 43 milhões. Já operando em fase de testes, a estação está tratando 50% do esgoto coletado no município. A previsão é que 100% do esgoto seja tratado a partir de 2014.

Outra importante obra de infraestrutura inaugurada foi a barragem Aécio Ferreira Cunha, no Rio Todos os Santos , na localidade de Cabeceira de São Pedro.  A barragem tem uma área de 128 hectares de área inundada, com o objetivo de aumentar a oferta de água e diminuir os transtornos causados pelas enchentes no período chuvoso.

Na área de prestação de serviços, o governador inaugurou novo posto da Diretoria Regional do Trabalho, que vai atender 54 municípios da região, prestando apoio técnico e acompanhando a execução das ações relativas às funções de trabalho, emprego e renda desenvolvidas pelo Estado, prefeitura municipal e demais parceiros.

Aeroporto

Em seu pronunciamento, o governador afirmou que o Governo de Minas vai reformar o aeroporto de Teófilo Otoni e construir outro de caráter regional, na cidade de Itambacuri, a 40 km de Teófilo Otoni.

“Já determinei ao Departamento de Obras Públicas, que está fazendo o projeto para a construção do aeroporto regional, em Itambacuri, para atender de modo muito claro esta região”, afirmou o governador.

Ele também anunciou, oficialmente, a recém criada Área de Proteção Ambiental (APA) do Alto do Mucuri, localizada entre os municípios de Caraí, Catuji, Itaipé, Ladainha, Novo Cruzeiro, Malacacheta, Poté e Teófilo Otoni.

Também participaram da cerimônia os secretários de Estado Antonio Jorge (Saúde), Carlos Pimenta (Trabalho e Emprego), Adriano Magalhães (Meio Ambiente), Gil Pereira (Desenvolvimento dos Vales do Jequitinhonha e Mucuri e Norte de Minas), Bilac Pinto (Desenvolvimento Regional e Política Urbana), o presidente da Assembleia Legislativa, Dinis Pinheiro, a prefeita Maria José Haueisen, entre outras autoridades.

Fonte: http://www.agenciaminas.mg.gov.br/noticias/anastasia-inaugura-obras-de-infraestrutura-e-anuncia-construcao-do-hospital-regional-do-mucuri/