Gestão Anastasia: Fundo de Previdência do Estado de Minas Gerais credencia instituições financeiras

As instituições financeiras interessadas deverão enviar os documentos até o dia 16 de maio

O Conselho de Administração do Fundo de Previdência do Estado de Minas Gerais (Funpemg) autorizou a abertura de processo de seleção para credenciamento de instituições dos segmentos Bancos Múltiplos, Caixas Econômicas e Bancos de Desenvolvimento para realizar operação financeira com o fundo. As instituições financeiras interessadas deverão enviar os documentos, até o dia 16 de maio, para a Gerência de Investimento do Instituto de Previdência dos Servidores do Estado de Minas Gerais (Ipsemg) – Cidade Administrativa – Rodovia Prefeito Américo Gianetti, s/n, 4º andar, Prédio Gerais, bairro Serra Verde – Belo Horizonte –31.630-901.

Os Bancos Múltiplos e Caixas Econômicas podem participar desde que possuam um Patrimônio Líquido do grupo econômico no último exercício superior a 250% do patrimônio do Funpemg, bem como um Ativo Total igual ou superior a 1000% do patrimônio do fundo no mesmo período. Além disso, essas instituições devem apresentar um Índice de Basiléia acima de 11% conforme as regras do Banco Central do Brasil.

Os requisitos exigidos para participação dos Bancos de Desenvolvimento são o Ativo Total do último exercício superior ao patrimônio do Funpemg, Índice de Basiléia acima de 11% e classificação de rating da carteira de crédito superior ou igual a “A”. Vale destacar que as instituições desse segmento só poderão realizar operações compromissadas lastreadas exclusivamente por títulos de emissão do Tesouro Nacional, registrados no Sistema Especial de Liquidação e Custódia (Selic).

Atualmente, o Funpemg conta com seis instituições credenciadas – Banco do Brasil, Caixa Econômica Federal, Bradesco, Itaú, Santander e HSBC – e a expectativa da Gerência de Investimento do Ipsemg, responsável pela gestão da carteira de investimento do fundo, é que novas instituições atendam os requisitos estabelecidos pelo conselho. Com isso, a gama de produtos financeiros a disposição do Funpemg seria ampliada, podendo se traduzir em ganhos de rentabilidade, o que consolidaria ainda mais a atual robustez do plano de benefícios.

A documentação exigida para todas as instituições são: ato constitutivo, estatuto ou contrato social vigente e registrado e, também, os documentos relativos à eleição de seus administradores; ato de registro ou autorização para funcionamento expedido pelo órgão competente; documento comprobatório de regularidade perante o Instituto Nacional do Seguro Social e, também, ao Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS); balanços Patrimoniais e Demonstrações Contábeis dos dois últimos exercícios imediatamente anteriores à seleção; indicação da equipe técnica que será responsável pela operação financeira do Funpemg; relatório do Índice da Basiléia do último trimestre do ano anterior à seleção; e relatório de classificação de rating, efetuada por agência de classificação de risco em funcionamento no país.

Clique aqui para outras informações sobre o processo de credenciamento de instituições financeiras e sobre o Funpemg.

Fonte: http://www.agenciaminas.mg.gov.br/noticias/fundo-de-previdencia-do-estado-de-minas-gerais-credencia-instituicoes-financeiras/

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s