Gestão Anastasia: Projeto Pescadores do Saber promove educação ambiental no Sul de Minas

Parceria com a Universidade Federal de Lavras beneficia mais de 300 estudantes da rede pública

Conceitos como ictiofauna, bacias hidrográficas e uso do solo não serão mais estranhos para mais de 300 alunos do ensino fundamental na cidade de Lavras, no Sul de Minas. Os estudantes da rede pública de ensino participam do Projeto Pescadores do Saber, realizado pela Universidade Federal de Lavras (Ufla), com o apoio da Companhia Energética de Minas Gerais (Cemig), por meio do Programa Peixe Vivo.

O projeto que atende crianças entre 6 e 11 anos, matriculadas do 1° ao 5° ano do ensino fundamental,  tem como objetivo sensibilizar a comunidade sobre os problemas ambientais enfrentados pela sociedade. Em aulas com 50 minutos de duração, os alunos aprendem sobre os estudos desenvolvidos no Laboratório de Ecologia de Peixes da Ufla.

Nas visitas do Projeto Pescadores do Saber são repassadas informações sobre componentes e mecanismos que regem os sistemas naturais, estimulando nos alunos a curiosidade e o interesse pela observação da natureza. Os estudantes recebem orientações sobre conservação de rios e riachos da região de Lavras, assim como sobre a fauna de peixes.

Em 2011, ano de lançamento do projeto, foram atendidos 377 alunos de 16 turmas das Escolas Estaduais Cristiano de Souza e Firmino Costa. Neste ano, a previsão é que o projeto atenda mais de 300 estudantes da rede pública. O trabalho, iniciado em abril na Escola Estadual Tiradentes, será expandido para outras instituições a partir do próximo mês.

Eficácia

As ações de educação ambiental são realizadas com material confeccionado pela própria equipe do projeto, e inclui coleção didática sobre peixes, flanelógrafo, quebra-cabeças e caça-palavras. As aulas são ministradas pela bióloga e coordenadora do projeto, Nara Tadini Junqueira e conta com o apoio de alunos de graduação e pós-graduação.

De acordo com Nara Junqueira, o Projeto Pescadores do Saber já traz resultados para a comunidade. “É possível observar grande curiosidade das crianças pelos temas abordados, muitos destes temas nunca foram vistos antes Poe estes alunos. A educação pública se apresenta carente de trabalhos interdisciplinares sobre o meio ambiente”, explica a coordenadora.

Para que o trabalho tenha mais eficácia, é realizado um diagnóstico inicial dos alunos por meio da aplicação de um questionário sobre os temas água, energia elétrica e biodiversidade aquática. A partir da análise das respostas, é elaborado um planejamento de aulas para o semestre em busca de um melhor aproveitamento dos temas pelos estudantes.

Ictiofauna

O Programa Peixe Vivo é uma iniciativa da Cemig para expandir e criar medidas mais efetivas para a conservação da fauna aquática nas bacias hidrográficas onde estejam instaladas usinas da empresa. Desde seu lançamento, em 2007, o Peixe Vivo atua em três frentes: nos programas de conservação da ictiofauna e bacias hidrográficas, na produção de conhecimento científico para subsidiar esses programas e no envolvimento da comunidade nas atividades previstas.

As parcerias estabelecidas pelo Peixe Vivo com centros de pesquisa, além de servir como subsídio para os programas de conservação, apoiam a empresa na elaboração de estratégias mais eficientes para a preservação da ictiofauna. Estimulando a troca de experiências entre suas equipes técnicas e os pesquisadores das universidades, atualmente o Peixe Vivo possui 12 projetos em andamento e outros quatro em fase de contratação.

Alguns desses projetos são realizados em parceria com o Laboratório de Ecologia de Peixes da Ufla. O laboratório tem como objetivo principal o desenvolvimento de recursos humanos e a realização de pesquisas na área de ecologia de peixes e conservação de ambientes aquáticos continentais. Atualmente, a equipe do laboratório é formada por alunos de doutorado, mestrado e estudantes de iniciação científica, envolvidos em diferentes projetos.

Fonte: http://www.agenciaminas.mg.gov.br/noticias/projeto-pescadores-do-saber-promove-educacao-ambiental-no-sul-de-minas/

 

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s