Gestão em Minas: cobertura do Novo Mineirão começa a ser montada

Com as obras mais avançadas do Brasil, estádio será referência na Copa do Mundo de 2014

Sylvio Coutinho/Divulgação
Material, feito de dióxido de titânio, permite melhor passagem de luz natural
Material, feito de dióxido de titânio, permite melhor passagem de luz natural

Os trabalhos de modernização do estádio da Pampulha avançam com a recente chegada da estrutura metálica da cobertura do novo Mineirão. As novas treliças tubulares de aço vão receber uma membrana translúcida e auto-limpante em sua parte superior. O material, feito de dióxido de titânio, permite melhor passagem de luz natural e oferece maior resistência contra intempéries, além de ser mais econômico.

A cobertura está sendo instalada para proporcionar maior segurança e conforto a todos os visitantes da nova arena. A estrutura atual será expandida em 26 metros com a instalação das treliças para proteger os assentos mais próximos ao gramado. As cerca de 500 peças em fabricação vão totalizar aproximadamente mil toneladas. O projeto da nova cobertura foi concebido pela empresa Engserj, de renomados acadêmicos da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG). As treliças, fabricadas em São Paulo, são empregadas também no estádio de Durban, África do Sul, e em outros de futebol americano dos EUA.

Iniciado em outubro de 2011, o trabalho de reforço da estrutura atual deu início à preparação para instalação da nova cobertura. Nessa etapa, foi construída a estrutura que hoje recebe os chamados tirantes, que são cabos de tração com a finalidade de sustentar o peso da cobertura. Esses cabos serão tensionados à uma força equivalente ao peso de 5 mil toneladas. Foi necessário, inclusive, fazer reforço na fundação do estádio.

O trabalho será executado por cerca de 100 operários especializados, incluindo profissionais com formação em montanhismo. Tem previsão de término para novembro deste ano. “Será uma nova cobertura feita com estruturas mais leves, material com alto desempenho, além de esteticamente agradáveis”, conclui José Severiano Braga da Silva, gerente de operações da obra.

Estágio avançado

Esta semana, a obra atingiu o pico máximo de trabalhadores, com 2.000 operários em campo, e a marca de 58% dos trabalhos concluídos. Cerca de 80% das peças da esplanada já foram instaladas ao redor da fachada 100% já tratada. Na parte interna, 30% da arquibancada inferior está instalada e 80% dos bares e banheiros já receberam acabamento (reboco e piso) com instalação de bancadas e divisórios de granito (50%).

As instalações do novo fosso de segurança também estão em fase final, com 90% de execução. Seguem em andamento as atividades de infraestrutura elétrica, hidráulica e de drenagem, além da execução dos pisos da esplanada e do estacionamento coberto. Serão disputadas no novo estádio três partidas durante a Copa das Confederações, em 2013, e outros seis jogos na Copa do Mundo da FIFA Brasil 2014 (quatro na primeira fase, um na oitava de final e outro na semifinal).

Fonte: http://www.agenciaminas.mg.gov.br/noticias/cobertura-do-novo-mineirao-comeca-a-ser-montada/

Governo de Minas: inscrições abertas para o Festival Paradesportivo Regional de Juiz de Fora

Evento busca incentivar jovens de 12 a 19 anos com deficiência a praticar esportes

A Secretaria de Estado de Esportes e da Juventude (SEEJ) abriu, nesta quarta-feira (02), as inscrições para o Festival Paradesportivo Regional de Juiz de Fora, na Região da Zona da Mata. As inscrições são gratuitas, para atletas e profissionais, e terminam no dia 18 de maio.

O evento será realizado entre os dias 24 e 26 de maio. O festival tem por objetivo informar e capacitar os profissionais para as modalidades paraolímpicas, bem como e dar oportunidade para jovens vivenciarem a prática desportiva. Poderão participar da competição profissionais de áreas como as de educação física e fisioterapia e estudantes com deficiência física, intelectual, visual ou paralisia cerebral, com idade de 12 a 19 anos, obrigatoriamente matriculados nas escolas da rede pública, particular e/ou especial de ensino.

As modalidades oferecidas são as mesmas desenvolvidas nas Paralimpíadas Escolares: atletismo, bocha, goalball, futebol de cinco, futebol de sete, judô, natação, vôlei sentado e tênis de mesa e de quadra. Durante o festival, professores na área do paradesporto de Minas Gerais serão responsáveis pelas oficinas práticas das modalidades. Eles também irão coordenar a participação dos jovens para, posteriormente, selecionar, a partir dos resultados alcançados, os que participarão da Etapa Estadual dos Jogos Escolares de Minas Gerais (JEMG), em outubro de 2012.

O festival já foi promovido em Ipatinga e Timóteo, na Região do Vale do Aço. Outra etapa está prevista para junho, em Montes Claros, no Norte do Estado.

Fonte: http://www.agenciaminas.mg.gov.br/noticias/inscricoes-abertas-para-o-festival-paradesportivo-regional-de-juiz-de-fora/

Gestão Anastasia: oficinas no Norte de Minas qualificam agentes de controle social do SUS

As oficinas têm como proposta promover o debate sobre o SUS, visando à preservação e o avanço do controle social

Jerúsia Arruda
A oficina foi promovida, no último final de semana, nas microrregiões de Francisco Sá e Coração de Jesus
A oficina foi promovida, no último final de semana, nas microrregiões de Francisco Sá e Coração de Jesus

O Conselho Estadual de Saúde de Minas Gerais (CES-MG), em parceria com a Superintendência Regional de Saúde de Montes Claros (SRS-MOC) e com a Escola de Saúde Pública (ESP-MG), está realizando, em Montes Claros, no Norte de Minas, oficinas para agentes de controle social do Sistema Único de Saúde (SUS).

As microrregiões Francisco Sá e Coração de Jesus participam da etapa final das oficinas nos dias 1º e 2 de junho. Já nos dias 18 e 19 de junho, será realizada a segunda etapa das oficinas para os representantes dos municípios da microrregião Montes Claros/Bocaiuva, quando será constituído o colegiado microrregional.

No último final de semana, dias 27 e 28 de abril, participaram das oficinas os conselheiros de saúde dos municípios que compõem as microrregiões Francisco Sá e Coração de Jesus. As primeiras oficinas foram realizadas nos dia 13 e 14 de abril, reunindo conselheiros da microrregião Montes Claros/Bocaiuva.

O vice-presidente do CES-MG, Geraldo Heleno Lopes, explica que as oficinas têm como proposta promover o debate sobre o SUS, visando à preservação e o avanço do controle social. “O envolvimento da comunidade no controle, na formulação e na execução das políticas públicas de saúde é uma constante na construção do SUS. Inclusive, foi através de emenda popular que o direito à saúde para todos foi inserido na Constituição de 1988. Por isso, precisamos manter a integração com os Conselhos Municipais de Saúde, que certamente são a instância máxima de deliberação do SUS, para consolidar e avançar a saúde pública no país”, observa Geraldo Heleno.

Para a superintendente regional de Saúde de Montes Claros, Olívia Pereira de Loiola, a qualificação dos conselheiros possibilitará uma melhor atuação dos conselhos municipais, fortalecendo o controle social do SUS. “A função do conselheiro de saúde é solidária, cidadã, mas é preciso estar preparado para exercê-la com conhecimento e discernimento. A saúde pública é uma pauta que se renova a cada dia e esse intercâmbio de informações proporcionado pelas oficinas é importante”, avalia Olívia.

Dinâmica

Os 53 municípios sob jurisdição da SRS-MOC estão agrupados em cinco microrregiões. Cada micro participará das oficinas em dois finais de semana, com cinco representantes dos conselhos de saúde de cada município. A oficina aborda assuntos como planejamento e organização do SUS, reforma sanitária, história das políticas públicas de saúde, atribuições do Conselho Municipal de Saúde, recursos financeiros, planejamento orçamentário em saúde, entre outros.

Ao final da segunda etapa das oficinas, serão indicados dois conselheiros de cada município para integrar o colegiado microrregional que, segundo Geraldo Heleno, tem como objetivo promover o alinhamento das ações junto ao Conselho Estadual de Saúde.

Fonte: http://www.agenciaminas.mg.gov.br/noticias/oficinas-no-norte-de-minas-qualificam-agentes-de-controle-social-do-sus/

Gestão Anastasia: Epamig destaca controle fitossanitário cafeeiro durante encontro tecnológico no Sul de Minas

O Encontro Tecnológico do Café será realizado na Fazenda Experimental de São Sebastião do Paraíso

A Empresa de Pesquisa Agropecuária de Minas Gerais (Epamig), em parceira com a Universidade Federal de Lavras (Ufla) e a Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural do Estado de Minas Gerais (Emater-MG), realiza, no dia 10 de maio, na Fazenda Experimental de São Sebastião do Paraíso, no Sul de Minas, o 8º Encontro Tecnológico do Café. O tema principal desta edição é o controle fitossanitário, com destaque para a palestra “Diagnóstico e manejo da mancha aureolada do cafeeiro”, que será ministrada pela pesquisadora do Instituto Biológico de Campinas, Flávia Rodrigues Alves Patrício.

Em campo, os participantes vão acompanhar estações técnicas que abordarão temas, como: combate de pragas, produtividade, qualidade, armazenamento e comercialização do café. O pesquisador da Embrapa Café/Epamig Sul de Minas, Ernesto Prado, falará sobre “Manejo e controle de cochonilhas farinhentas do cafeeiro” em uma estação que contará, também, com o Ciência Móvel – ônibus itinerante da Epamig que traz um pequeno laboratório para demonstração de pesquisas, publicações técnicas e produtos da Empresa.

Outros destaques serão as estações sobre “Armazenagem e comercialização do Café”, apresentada por representantes da Cooparaíso, e “Qualidade e preparo do Café”, comandada pelo engenheiro agrônomo da Emater de Guaxupé, Willem Guilherme. Paralelamente ao evento, haverá exposição de máquinas, insumos, fertilizantes e defensivos agrícolas para a cafeicultura.

De acordo com o gerente da Fazenda Experimental de São Sebastião do Paraíso, Juraci Júnior de Oliveira, a expectativa é que o encontro atraia participantes de 12 municípios da região. “O público que vem para o evento é bem diversificado. Além de cafeicultores e extensionistas, recebemos também representantes de indústrias, cooperativas e revendas de café em busca de novidades para o setor”, afirma Juraci.

O evento é gratuito e as inscrições serão feitas no local a partir das 8h do dia 10 de maio. Mais informações pelo telefone (35) 3531-1496.

8º Encontro Tecnológico do Café

Data: 10 de maio de 2012

Local: Fazenda Experimental da EPAMIG em São Sebastião do Paraíso – Estrada Via Guardinha, Km 12,5 – Distrito de Guardinha

Fonte: http://www.agenciaminas.mg.gov.br/noticias/epamig-destaca-controle-fitossanitario-cafeeiro-durante-encontro-tecnologico-no-sul-de-minas/

Governo de Minas: população de Ewbank da Câmara recebe UBS

Investimento na obra foi de cerca de R$ 763 mil, em parceria com a prefeitura

Henrique Chendes
Secretário de Saúde, Antonio Jorge, entregou a unidade em nome do Governo de Minas
Secretário de Saúde, Antonio Jorge, entregou a unidade em nome do Governo de Minas

O Governo de Minas entregou à população de Ewbank da Câmara, na Zona da Mata, uma nova Unidade Básica de Saúde (UBS) Tipo I. O Centro Municipal de Saúde Líbero da Cunha atenderá toda a população de quase 4 mil moradores em diversas especialidades como fisioterapia, genecologia, pediatria, ortopedia, cardiologia e urologia.

Para a obra, foram investidos R$ 763,4 mil, sendo R$ 300 mil provenientes do programa Saúde em Casa, da Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais (SES), e outros R$ 463 mil de contrapartida do município.

Durante solenidade de inauguração, o Secretário de Estado de Saúde, Antônio Jorge de Souza Marques, falou da importância desse novo equipamento de saúde para a população. “O SUS tem ainda os seus desafios e todos sabemos disso, mas hoje, quem utiliza desse serviço em Ewbank da Câmara, sabe que o SUS está muito melhor do que ontem e no amanhã estará melhor do que hoje. Apesar dos poucos recursos, as coisas acontecem em Ewbank e isso é reflexo de uma boa gestão”.

O prefeito de Ewbank da Câmara, Paulo Mendes Soares, elogiou o trabalho e parceria com o Governo de Minas no setor. ”É uma obra que deve ficar para a memória da cidade. O Governo de Minas tem implementado grandes parcerias em saúde. Além desta UBS, que será de grande utilidade, o Estado também nos apóia com veículos e transporte”, destacou o administrador.

Fonte: http://www.agenciaminas.mg.gov.br/noticias/populacao-de-ewbank-da-camara-recebe-ubs/

Gestão da Saúde: Hemominas realiza coleta de sangue em Bom Despacho

A expectativa é de que em apenas um dia, 200 pessoas participem da ação

A Fundação Hemominas realiza neste sábado (5), das 7 às 17 horas, coleta de sangue na Associação de Doadores de Sangue de Bom Despacho. A Associação de Doadores fica na Praça Olegário Maciel, n° 831, Centro. A expectativa é que 200 doadores participem da ação.

Segundo a Portaria 1.353/2011 do Ministério da Saúde, podem doar sangue cidadãos com boa saúde, idade entre 18 e 67 anos. Os candidatos devem pesar acima de 50 quilos, não ter ingerido bebida alcoólica nas últimas 12 horas, não ter tido hepatite após os 11 anos de idade, e que não tenham doença de Chagas.  Jovens com 16 e 17 anos, somente poderão se candidatar á doação de sangue com a presença dos responsáveis legais ou autorização dos responsáveis com firma reconhecida em cartório, cujo modelo de autorização está disponível no site http://www.hemominas.mg.gov.br.

A idade máxima para a primeira doação de sangue é 60 anos. Os candidatos, que já tiverem doado pelo menos uma vez antes dos 60 anos, poderão doar até a idade de 67 anos.

Para mais informações sobre os critérios para doação de sangue acessar http://www.hemominas.mg.gov.br/hemominas/menu/cidadao/doacao/condicoes_doacao ou ligar para o 155.

Para os jovens, o hotsite http://www.projetonaveia.com.br promove interatividade e participação também na divulgação da doação.

Fonte: http://www.agenciaminas.mg.gov.br/noticias/hemominas-realiza-coleta-de-sangue-em-bom-despacho/

Gestão da Saúde: Hemominas realiza coleta de sangue em Ouro Preto

São esperadas mais de 200 candidatos a doação

A Fundação Hemominas realiza sábado (5) e domingo (6), coleta de sangue em Ouro Preto. No primeiro dia, a coleta será das 8h às 16h e no dia seguinte, das 8h às 12h, na Universidade Federal de Ouro Preto (UFOP), Campus Morro do Cruzeiro, no prédio do curso de Medicina. A expectativa da Unidade da Hemominas de Coleta e Transfusão no Hospital Júlia Kubitschek, unidade responsável pela ação, é atender até 260 candidatos a doação de sangue. Toda a população está convidada a participar.

Segundo a Portaria 1.353/2011 do Ministério da Saúde, podem doar sangue cidadãos com boa saúde, idade entre 18 e 67 anos. Os candidatos devem pesar acima de 50 quilos, não ter ingerido bebida alcoólica nas últimas 12 horas, não ter tido hepatite após os 11 anos de idade, e que não tenham doença de Chagas.  Jovens com 16 e 17 anos, somente poderão se candidatar à doação de sangue com a presença dos responsáveis legais ou autorização dos responsáveis com firma reconhecida em cartório, cujo modelo de autorização está disponível no site http://www.hemominas.mg.gov.br.

A idade máxima para a primeira doação de sangue é 60 anos. Os candidatos, que já tiverem doado pelo menos uma vez antes dos 60 anos, poderão doar até a idade de 67 anos.

Para mais informações sobre os critérios para doação de sangue acessar http://www.hemominas.mg.gov.br/hemominas/menu/cidadao/doacao/condicoes_doacao ou ligar para o 155.

Para os jovens, principalmente, o hotsite www.projetonaveia.com.br promove interatividade e participação também na divulgação da doação.

Fonte: http://www.agenciaminas.mg.gov.br/noticias/hemominas-realiza-coleta-de-sangue-em-ouro-preto/

Gestão Anastasia: Governo de Minas inaugura Uaps e Centro de Saúde em São João Nepomuceno

Novas unidades vão melhorar atendimento a mulheres e crianças e reforçar o programa saúde da família

Henrique Chendes
Secretario de Saúde e prefeita do município inauguraram as novas obras
Secretario de Saúde e prefeita do município inauguraram as novas obras

O Governo de Minas entregou para a população de João Nepomuceno, na Zona da Mata, duas grandes obras para a melhoria da saúde pública na cidade: o Centro Municipal de Saúde Dr. Carlos Alves e a Unidade de Atenção Primária de Saúde (Uaps) Dr. Adil Pimenta de Souza.  Para a conclusão das obras e a aquisição de equipamentos foram investimentos recursos em torno de R$ 1 milhão, por meio de convênios entre a Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais (SES) e prefeitura do município.

Modernidade e funcionalidade marcam o projeto das edificações, que tem espaços especialmente concebidos para cada setor. Centro de Saúde funciona para atendimento materno-infantil e também abriga posto de coleta de leite materno, atendimento em ginecologia, obstetrícia, puericultura, além de brinquedoteca. Além do atendimento, o sistema de iluminação do prédio aproveita a luz solar durante o dia, gerando economia de energia. As instalações também são preparadas para captar e tratar a água da chuva, o que resulta em um menor gasto de água. O centro tem ainda um auditório multiuso para convenções e reuniões.

Já a Uaps, construída ao lado do Centro de Saúde, será destinada à saúde da família.  A unidade vai atender a cerca de 4.000 pessoas que moram nos bairros do entorno. O local também será o novo endereço do Centro de Referência em Assistência Social (Cras).

O secretário de Estado de Saúde de Minas Gerais, Antônio Jorge de Souza Marques, ressaltou a grande parceria de sucesso entre a prefeitura e o Governo de Minas na realização das duas obras inauguradas. “É uma satisfação inaugurar uma obra de saúde inovadora como esta, que segue as prioridades da cidade. Por mais que o recurso financeiro na saúde seja limitado, ele vai atrás de endossar bons projetos, bons administradores, e essas inaugurações hoje são prova disso”, disse.

A prefeita de São João Nepomuceno, Edméa Moreira Machado, disse que a obra é um progresso na saúde do município. “Sou, antes de tudo, médica. A função maior da minha vida, há 35 anos, é atender às crianças e me sinto feliz de poder, através da política séria, inaugurar uma obra essa que vai assistir à cidade, em especial às crianças e às mulheres, de forma pioneira”, afirmou.

Fonte: http://www.agenciaminas.mg.gov.br/noticias/governo-de-minas-inaugura-uaps-e-centro-de-saude-em-sao-joao-nepomuceno/

Gestão Anastasia: Governo de Minas promove curso de capacitação para gestores de bibliotecas públicas municipais

Ação integra o programa “Construindo uma Minas leitora”, que implementa bibliotecas em municípios do interior, moderniza seus acervos e capacita seus gestores

A Superintendência de Bibliotecas Públicas de Minas Gerais, unidade da Secretaria de Estado de Cultura (SEC), por meio da Diretoria do Sistema Estadual de Bibliotecas Públicas Municipais (SEBPM), realiza, de 22 a 24 de maio, o curso “Literatura: importância, mediação e suas formas de atuação dentro da biblioteca pública municipal”.

A ação integra o programa “Construindo Uma Minas Leitora”, que além de implementar bibliotecas nos municípios do interior do Estado, moderniza seus acervos e capacita seus gestores. De 2005 a 2012, o programa beneficiou 199 municípios, com a criação de 146 bibliotecas e modernização de outras 53. No período de 2007 a 2011, foram realizados 27 cursos e capacitação de 948 gestores.

“Os cursos de capacitação, já consolidados na atuação do Sistema Estadual de Bibliotecas Públicas Municipais, visam à melhoria dos trabalhos realizados nas bibliotecas do Estado”, explica a diretora do SEBPM, Michelle Venuto.

A iniciativa é destinada a gestores e bibliotecários que atuam em bibliotecas públicas municipais, e tem como objetivo discutir e refletir a importância da literatura, visando à mediação da leitura literária, bem como o que vem a ser uma ação cultural dentro da biblioteca pública.

O curso será realizado no teatro da Biblioteca Pública Estadual Luiz de Bessa, em Belo Horizonte. Mais informações e inscrições pelo telefone (31) 3269-1202 ou pelo e-mail sistema.sub@cultura.mg.gov.br.

Fonte: http://www.agenciaminas.mg.gov.br/noticias/governo-de-minas-promove-curso-de-capacitacao-para-gestores-de-bibliotecas-publicas-municipais/

Gestão da Educação: em escola do Sul de Minas, música clássica é um estímulo ao aprendizado

Em Nova Resende, música enriquece a grade curricular dos alunos, de forma interdisciplinar

SEE / Divulgação
Na Escola Estadual Professor Caio Albuquerque, o trabalho será desenvolvido de forma interdisciplinar
Na Escola Estadual Professor Caio Albuquerque, o trabalho será desenvolvido de forma interdisciplinar

A Escola Estadual Professor Caio Albuquerque, no município de Nova Resende, no Sul de Minas, implementou, este ano, um projeto que tem entre seus objetivos apresentar para os estudantes o fantástico mundo da música clássica. O projeto “Criança Famosa” teve início com os alunos do projeto Educação em Tempo Integral, da Secretaria de Estado de Educação (SEE), e pretende estimular a paixão dos estudantes pela literatura e pela música.

Para a execução do projeto, a escola utiliza os livros da coleção “Criança Famosa”, que traz a história da infância de músicos consagrados, como Mozart, Bach e Vivaldi. A ideia é que os estudantes possam ler os livros durante visitas à biblioteca e ouvir diferentes canções. “A música clássica está presente em nossas vidas, seja em casamentos, em trilhas sonoras de filmes ou em apresentações esportivas, como na Ginástica Artística. Vamos mostrar para os estudantes que existem vários tipos de músicas, entre elas a música clássica. Queremos que eles tenham uma opção a mais”, ressalta a coordenadora do projeto, Eneida Evangelista Silva Pereira.

Na escola, o trabalho será desenvolvido de forma interdisciplinar. “O professor de Geografia, por exemplo, poderá estudar com os alunos o país onde determinado músico nasceu e procurar no atlas a localização daquele país. O professor de História também pode trabalhar acontecimentos históricos do período em que o músico viveu”, afirma Eneida.

Apesar de o projeto ainda estar na fase inicial, a estudante do 7º ano do ensino fundamental, Grazielli Favorito da Silva, já teve a oportunidade de conhecer diferentes canções. “Algumas músicas eu nunca tinha ouvido. Aprendi a gostar delas e acho muito legal”, destacou. Dentro do projeto, também serão realizadas apresentações musicais.

Estímulo às artes

A biblioteca da Escola Estadual Professor Caio Albuquerque conta com um espaço reservado para produções artísticas. “Eu percebi que os livros que falava de arte não eram muito acessados pelos estudantes. Então eu tomei a iniciativa de organizar um cantinho convidativo da arte. Nesse espaço nós temos pintura, artesanato, entre outros. Depois que criei o cantinho a procura pelas publicações sobre artes aumentou”, conclui Eneida.

Fonte: http://www.agenciaminas.mg.gov.br/noticias/em-escola-do-sul-de-minas-musica-classica-e-um-estimulo-ao-aprendizado/