Blog do Anastasia – Governo de Minas: Campanha de solidariedade inicia entrega de doações às vítimas das chuvas

 

BELO HORIZONTE (11/01/12) – Quinze toneladas de donativos e materiais de ajuda humanitária foram encaminhadas, nesta quarta-feira (11), a famílias atingidas pelas chuvas no Estado. Essa é a primeira entrega de doações, arrecadadas pelo Movimento Minas Solidária, campanha de solidariedade às vítimas das chuvas, lançada no último dia 6 pelo Governo de Minas. A campanha está sendo executada pela Coordenadoria Estadual de Defesa Civil (Cedec) em parceria com o Serviço Voluntário de Assistência Social (Servas).

O primeiro comboio do Corpo de Bombeiros Militar de Minas Gerais saiu às 9h30, da Academia de Bombeiros, em Belo Horizonte, levando alimentos, leite em pó, roupas, calçados, material de higiene e limpeza e fraldas descartáveis para os municípios de Jeceaba, Juatuba, Ponte Nova e São João del-Rei.

Já foram arrecadadas 130 toneladas de alimentos e outros materiais essenciais ao suprimento das necessidades básicas da população, como higiene e limpeza. Segundo a Cedec, nesta quarta-feira (11) cerca de 25 mil pessoas estavam desalojadas e mais de 2,4 mil desabrigadas, em 182 municípios mineiros.

Para a presidente do Servas, Andrea Neves da Cunha, a solidariedade do povo mineiro demonstra o esforço de todo um Estado para ajudar aqueles que sofrem com perdas em decorrência das fortes chuvas.

“O ritmo da campanha está, felizmente, muito positivo. Já arrecadamos, de sexta-feira até hoje, 130 toneladas de alimentos e, nesse momento, eu gostaria de agradecer a cada um que pode colaborar com esse esforço que, na verdade, é um esforço de toda Minas Gerais. Esse é o primeiro comboio, vamos chamar assim, que já está partindo com essas doações, 15 toneladas estão saindo hoje para quatro municípios atingidos pelas chuvas. Nossa expectativa é que possamos continuar todos juntos mobilizados porque infelizmente ainda estamos atravessando um período difícil para Minas Gerais”, disse Andrea Neves.

Segundo o secretário-executivo da Cedec-MG, coronel Eduardo César Reis, os materiais de ajuda humanitária irão ajudar famílias que, hoje, estão sem acesso a produtos de necessidades básicas, levando em conta que, além de residências, o comércio das cidades atingidas pelas chuvas também foi afetado.

“O balanço inicial da campanha é altamente positivo, reflete o espírito de solidariedade do povo mineiro que é externado a cada dificuldade que a comunidade enfrenta em razão do período das chuvas. Sabemos, por exemplo, no caso de Guidoval, que boa parte da área comercial da cidade foi afetada e isso inviabiliza o acesso das pessoas a terem suas necessidades básicas de alimentação, de vestuário e de higiene atendidas, porque eles não vão encontrar no mercado local esses itens”, explica o coronel Eduardo.

O secretário-executivo da Cedec-MG disse que a Defesa Civil já distribuiu um volume significativo de cestas básicas, em torno de 10 mil unidades, além de colchões, cobertores, roupas, medicamentos, lonas plásticas, kits de higiene e de limpeza, que foram entregues à população logo após a ocorrência dos desastres.

Distribuição

Uma força tarefa com 50 bombeiros militares e com meninos que integram o projeto social “Voluntários da Cidadania” fizeram o carregamento de três caminhões, uma carreta e dois furgões do Corpo de Bombeiros, com as cestas básicas e o material de ajuda humanitária.

A prioridade é arrecadar leite em pó, fraldas, material de higiene e de limpeza, além de utensílios domésticos. Segundo Andrea Neves, o Governo de Minas se compromete a fazer com que as doações cheguem a quem precisa. A campanha durará o tempo indispensável ao suprimento dessas necessidades. “Estamos todos juntos acompanhando o desenvolver das chuvas, para que possamos estar o mais próximo possível dessas centenas de famílias até o momento em que elas possam retomar a sua rotina de vida diária. O nosso compromisso com cada um que fizer doação é garantir que essa doação chegue a quem realmente precisa”, destacou.

Nos municípios beneficiados, esse material será distribuído às famílias pelas coordenadorias municipais de Defesa Civil, em um trabalho articulado entre o Governo de Minas, por meio da Cedec, do Servas, do Corpo de Bombeiros, da Polícia Militar, com o apoio das prefeituras. A Defesa Civil e o Servas dispõem de recursos para o transporte dos donativos. “Também vamos solicitar às prefeituras municipais que tiverem condições para buscar os donativos em uma unidade da Polícia Militar ou do Corpo de Bombeiros mais próxima, fazendo com que o recurso chegue imediatamente à comunidade”, explicou coronel Eduardo.

As doações podem ser feitas nas unidades do Corpo de Bombeiros e da Polícia Militar, na capital e no interior, e também na sede do Servas, em Belo Horizonte, localizada na avenida Cristóvão Colombo, nº 683, bairro Funcionários. As doações financeiras devem ser depositadas no Banco do Brasil, C/C 64.529-X, agência 1229-7.

Também acompanharam a saída do primeiro comboio do Corpo de Bombeiros com os donativos o chefe interino de Comunicação Social do Corpo de Bombeiros Militar de Minas Gerais, major Rubem Cruz; o superintendente técnico operacional da Cedec, major Edylan Arruda; e o chefe de comunicação da Polícia Militar, major Freitas.

Fonte: Agência Minas

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s